CONTATOS: (88) 3613.1000 / (88) 9 9615.0901 / (88) 9 9696.7018 - Clique AQUI e saiba mais...

terça-feira, 7 de junho de 2016

Áudios comprovam participação da Igreja na invasão de terreno

Uma série de gravações extraídas de reuniões de grupos de invasores comprova que a cúpula da Diocese do Crato tem participação na invasão de um terreno em Juazeiro do Norte, na região do Cariri. Nos áudios, enviados à redação do Jornal do Cariri, o líder do movimento, conhecido como Chico Gomes, afirma ter ligação política com o assessor jurídico da Diocese, Hiarles Macedo, e que a invasão aconteceu após ordem da Igreja.

O grupo assume, ainda, que a desocupação só acontecerá com ordem do bispo Dom Fernando Panico. Chico Gomes revela que a invasão aconteceu para forçar o Supremo Tribunal Federal (STF) a decidir em favor da Diocese do Crato. O terreno é alvo de disputa judicial entre a Diocese e a empresa FP Empreendimentos.

FONTE: CEARANEWS7

4 comentários:

Engraçado acham um absurdo a igreja apoiar as pessoas sem moradias e não denunciar gonverno inescropolosos que dao e terra e até compram terra de latefundiarios e depois dáo gratuitamente para mega exploradores de mão de obra quase semi-escrava inclusive aqui em Sobral.Essa criaturas querem apenas um pedaço de chão que muita vezes é publica e pra não pra grande capitais virarem mendigos preferem ficar em seus luga de origem a igreja esta fazendo e colocando em pratica aquilo que ensina a solidariedade e caridade.

A Igreja Católica tem muitas propriedades devia dar de graça ao povo, e não incentivar as pessoas invadirem as dos outros.

A UVA É UMA DELAS E HOJE PERTENCE AO ESTADO QUE O GONVERNO USA PRA DAR EDUCAÇÃO PARA O O POVO,HÁ DE SOBRAL SE NÃO FOSSE A UVA E A SANTA CASA PERTENCE AQUEM E ACHO 95% DA POPULAÇAO JÁ PRECISOU DE SEUS TRABALHOS,MUITOS IGNORANTES SÓ VEREM UM LADO DA HISTORIA

Quero vê como fica a situação de quem comprou e é seu único investimento para casa própria.

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More