CONTATOS: (88) 3613.1000 / (88) 9 9615.0901 / (88) 9 9696.7018 - Clique AQUI e saiba mais...

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Dinheiro descontado do salário de PM é usado para beneficiar presos, denuncia Cabo Sabino

Em pronunciamento nesta segunda-feira (22) na Câmara dos Deputados, em Brasília, o deputado cearense Cabo Sabino (PR), denunciou o desvio na destinação de verbas do Fundo de Defesa Social (FDS). O dinheiro é fruto de desconto nos salários de policiais e bombeiros militares. Mas, ao invés de beneficiar as categorias, vem sendo utilizado para custear obrigações que são do Governo, como reforma de presídios, projetos de ressocialização de criminosos e até reforma de quartéis e compra de viaturas.

“Enquanto os policiais contribuem por meio do Fundo de Defesa Social para presos serem ressocializados, estão sendo assassinados pelo crime organizado, que dita as regras dentro dos presídios”, destacou o parlamentar.

Criado por força da Lei Complementar de número 47/2004, o FDS deveria ser um recurso a mais para garantir a segurança dos agentes, como aparo para sua saúde. Mas, conforme o deputado, “dezenas de policiais estão com estado de saúde delicado e sendo jogados em leitos de hospitais ou em suas próprias casas, não conseguindo se manter, tendo a categoria que se cotizar, fazer “vaquinha” nas redes sociais para pagar exames, internações e até comprar remédios”.

No pronunciamento de ontem, Sabino disse, ainda, que, “O fundo, apesar de ser amparado por uma lei e, portanto, ser legal, é imoral. O mesmo policial que está precisando de um amparo na Saúde, contribui para o FDS mas o seu dinheiro está indo para os presídios e financiar programas para reeducar presos que ele mesmo (policial) prendeu”.

Segundo o parlamentar a contribuição que é retirada dos salários dos policiais e bombeiros militares brasileiros está sendo desviada até mesmo para comprar tornozeleiras eletrônicas.

“Isso é um absurdo, uma vergonha”, disparou o parlamentar cearense. 

Veja o pronunciamento abaixo:

Via Cearanews7

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More