CONTATOS: (88) 3613.1000 / (88) 9 9615.0901 / (88) 9 9696.7018 - Clique AQUI e saiba mais...

terça-feira, 6 de setembro de 2016

Desprezada pelo governo, classe de peritos criminais inicia protesto através de uma operação "Perícia Legal"

Peritos criminais e auxiliares cearenses decidiram deflagrar a “Operação Perícia Legal”, uma forma de chamar a atenção do Governo do estado para as reivindicações da categoria. A classe tenta, há meses, estabelecer um diálogo com o governador Camilo Santana (PT), no sentido de que suas reivindicações sejam atendidas, da melhoria salarial à contratação de novos profissionais.

No entanto, o governo do Ceará vem fazendo descaso dos apelos da classe e, diante dessa postura do Palácio da Abolição, a categoria vai partir para uma mobilização, que será concretizada em ações dentro da legalidade. Uma delas, já poderá causar transtornos à atividade da Polícia Civil. Os profissionais somente realizarão perícias em locais de crimes se neles estiver presente a autoridade policial, no caso, um delegado. A exigência é do Código de Processo Penal.

Os peritos também somente se deslocarão para os locais de crimes e levantamentos técnicos de interesse da Polícia para o esclarecimento de crimes se as viaturas da Pefoce estiverem devidamente regularizadas junto ao Detran.

Sem respostas

Outras medidas como o fornecimento obrigatório pelo Estado de credenciais para os novos peritos e seus auxiliares (a identificação funcional) será exigida para que eles possam sair às ruas em suas atividades investigativas.

A classe já realizou nos últimos dois meses várias manifestações pedindo a abertura de diálogo com o Governo do Estado, mas este simplesmente não dá nenhuma resposta, à exemplo do que fez com a categoria dos agentes penitenciários, até que a categoria entrasse em greve, o que gerou uma mega-rebelião com mortes e destruição de presídios, em maio passado.

Fonte: Blog do Fernando Ribeiro

2 comentários:

E tem perito criminal no Ceará? Tem escrivão também? Rapaz, a situação tá insuportável!Pra fazer um O.B é uma loucura, quase 7h aguardando. E tem mais, toda fez que a PM chega com um delinquente a fila de espera é furada. Entendo que há falta de escrivães, e os policiais precisam está nas ruas, mas, e o cidadão? Qual o valor dele nessa hora? Por que nós, que pagamos o devido imposto, merecemos esse tratamento? Enfim, o valor do cidadão só impera de quatro em quatro anos, e só! Tenho pena do povo brasileiro, pessoal não tem tempo nem pra ler o folheto dos candidados a prefeito quanto mais pra decidir o futuro de um país...

e é porque é o governo do dialogo, imagine se não fosse!!

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More