CONTATOS: (88) 3613.1000 / (88) 9 9615.0901 / (88) 9 9696.7018 - Clique AQUI e saiba mais...

segunda-feira, 3 de outubro de 2016

Você também tem isso no canto de seus olhos?

Que o corpo humano é incrível, todos concordamos. Os processos que ocorrem dentro de nós nos mantém vivos e nos permite que façamos todas as coisas do dia a dia. Não sabemos tudo o que esconde o nosso corpo, mas a ciência avança para desvendar todos os processos ocultos e entender o funcionamento de todos os nossos órgãos. O corpo humano é a maior máquina já criada e nenhum outro organismo é capaz de fazer o mesmo que ele.

Os seres humanos são conhecidos por possuírem cinco sentidos: visão, paladar, olfato, audição e tato. Todos eles tornam possível a realização de nossas tarefas diárias. As pessoas que, por exemplo, são cegas ou não podem falar tem um problema muito sério, já que o mundo de hoje não perdoa os desfavorecidos. No artigo de hoje você conhecerá o significado de uma área que todos temos no extremo interior de nossos olhos...

Os olhos são uma das partes mais maravilhosas do nosso corpo e muitas pessoas os tem como sua marca de identidade. Dizem que os olhos verdes ou azuis são os mais bonitos, por possuírem cores claras, mas muitas pessoas também apreciam os olhos castanhos. Além da cor, nossos olhos mostram detalhes sobre nós, como surpresa, relaxamento, gosto por fazer algo e acima de tudo a sabedoria que você adquire ao longo dos anos.

Mas nós acreditamos que há algo que muitos não sabem sobre estes pequenos amigos. Por que temos esta pequena protuberância no canto interno dos nossos olhos? Sim, é o lugar onde muitas vezes se acumulam aqueles resíduos nada atraentes que geralmente surgem após o sono. Bem, a resposta tem a ver com a evolução das espécies. Vários milhões de anos atrás, nós compartilhávamos o mesmo tipo de olho dos répteis e das aves, mas tudo mudou…

Os mais observadores devem ter notado que esta protuberância é dividida em duas partes que são bem distintas. Elas são denominadas, de um lado, de caruncle lacrimal, e, do outro, uma espécie de meia lua que era responsável por envolver o globo ocular. Durante séculos, os médicos e cientistas não discordaram sobre o significado destas formações tão singulares. No entanto, recentemente uma nova tese foi abordada.

Qual a crença atual? Vamos começar com a meia lua. Acredita-se que esta protuberância é um resquício da pálpebra que cobria os olhos há um milhão de anos atrás. O que significa isto? Que além da pálpebra que temos hoje, possuíamos outra semelhante a das aves e répteis, já desaparecida quase completamente. Tudo isso é fascinante, certo? Pois ainda há vários detalhes ainda mais incríveis sobre isto…

Sabemos que existe uma teoria, mais aceita, que fala da evolução das espécies. Os evolucionistas têm teorizado que esta meia lua de cor rosa na parte inferior dos nossos olhos é a prova irrefutável de nossa origem de criaturas aquáticas, as quais possuem a membrana nictitante. Ainda seguimos evoluindo já que este é um processo que nunca acaba e, por isso, ainda possuímos esta protuberância em nossos olhos.

As lágrimas que os nossos olhos produzem são secretadas pelas glândulas lacrimais e são responsáveis por manter nossos olhos úmidos e nas melhores condições de saúde possíveis. Esta membrana favorece este processo de limpeza de nossos olhos, fazendo com que a ação de nossas lágrimas seja mais eficaz. Graças a este artigo você agora sabe que esta parte de nosso corpo é muito útil e que ajuda imensamente em nossas vidas diárias.

Fonte: StarStock/ Imgur

1 comentários:

PERDI MEU TEMPO LENDO ESSA MERDA AÍ....
ESSA EXPLICAÇÃO TEM NADA A VER SOBRE A IMAGEM

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More