CONTATOS: (88) 3613.1000 / (88) 9 9615.0901 / (88) 9 9696.7018 - Clique AQUI e saiba mais...

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Cerco policial termina em Quixadá com prisão de bandidos que assaltaram Correios e mataram o vigilante



Uma operação policial que teve início na tarde de ontem (29), e que varou a madrugada desta quarta-feira (30), terminou no começo da manhã com a prisão de dois bandidos responsáveis pelo assalto aos Correios da cidade de Quixadá, no Sertão Central cearense (a 154Km de Fortaleza). Durante o ataque, os criminosos mataram, a tiros, o vigilante da agência.

O crime ocorreu no começo da tarde de ontem, quando dois bandidos armados com revólveres invadiram o prédio, no Centro de Quixadá, renderam os clientes e balearam o vigilante Francisco Edilson do Nascimento, 50 anos, funcionário de uma empresa de segurança terceirizada. Antes da fuga, os criminosos roubaram a arma e o colete do vigilante, além de dinheiro e celulares dos demais reféns e da tesouraria da agência.

Gravemente ferido, Nascimento foi socorrido por uma equipe do Samu, levado para o Hospital Municipal de Quixadá, mas não resistiu. Segundo a Polícia, ele foi atingido com um tiro na cabeça ao reagir contra os ladrões.

Caçada

Durante todo o restante do dia, policiais civis da Delegacia Regional de Quixadá e equipes do 9º Batalhão, BRaio e Comando Tático Rural (Cotar), além de um helicóptero da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Cioper), enviado de Fortaleza, realizaram uma caçada aos criminosos na zona rural, para onde eles tinham fugido.

Já no começo da manhã de hoje, a Polícia localizou os criminosos que haviam retornado para a área urbana de Quixadá. Segundo o inspetor Bezerra, da Delegacia Regional, a dupla foi cercada pela PM entre os bairros Matadouro e Cohab. Mesmo armados, eles decidiram se entregar aos policiais militares.

De fora

Os bandidos são naturais de Mossoró, no Rio Grande do Norte, e foram identificados inicialmente como Gustavo da Silva Alves, 21 anos; e Alex Marques Rebouças Júnior, 20. O primeiro teria sido o responsável pelo tiro que matou o vigilante. Gustavo é foragido do Presídio Mário Negócio, em Mossoró, e acusado de outros assaltos a bancos e agência dos Correios no território potiguar.

Com os criminosos norte-rio-grandenses, os policiais cearenses apreenderam três armas de fogo, incluindo a que foi roubada do vigilante, além de dinheiro, celulares, munição e outros objetos. A dupla está sendo autuada em flagrante delito por crime de latrocínio (roubo seguido de morte). A prisão dos criminosos já foi comunicada às autoridades do Estado vizinho, por eles serem fugitivos da Justiça potiguar e considerados de altíssima periculosidade.

Fonte: Blog do Fernando Ribeiro

2 comentários:

parabéns aos guerreiros que prenderam esses vagabundos mas seria muito melhor se tivessem dado fim a vida desses covardes porq a família do vigilante esta sofrendo e esses vermes daqui a alguns dias estaram nas ruas fazendo o mesmo ou o pior.

Esse de azul tá sensualizando...

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More