CONTATOS: (88) 3613.1000 / (88) 9 9615.0901 / (88) 9 9696.7018 - Clique AQUI e saiba mais...
PREÇO IMBATÍVEL! Vende-se CASA NOVA no Renato Parente. Contatos: (88) 9 9821.6636 / 9 9269.8424. Clique AQUI e saiba mais...

terça-feira, 1 de novembro de 2016

Entram em vigor nesta terça (1º) os novos valores das multas de trânsito

Infrações mudam de categoria e ficam bem mais caras. Falar ao celular passa a ser infração gravíssima.
A partir desta terça-feira (1º), as multas de trânsito vão ficar mais pesadas

Um, dois celulares ao volante. Um outro motorista ainda tenta se explicar. “Parei no semáforo, estava vendo só uma mensagenzinha. Mas eu não uso telefone no trânsito, não”, diz o dentista Claudio Andrade.

A partir de terça, nem essa desculpa cola mais. Falar ao celular já é proibido, mas agora, segurar ou manusear o telefone já será uma infração gravíssima. Por isso, a multa vai ser reajustada em 244% e sobe para R$ 293,47.

“Deveria ser até mais caro. Eu acho que é uma irresponsabilidade porque não tem como você dirigir passando mensagem em celular. Eu acho um perigo”, afirma a aposentada Zélia Costa Figueiredo.

Outra infração muito comum é estacionar o carro em vagas reservadas para idosos ou deficientes. Num local, por exemplo, são duas vagas para idosos. O motorista de um carro tem a autorização, mas o do outro não deixou nada no painel que indique que ele pode estacionar ali. Uma infração grave que passa também a ser gravíssima.

E o motorista que for flagrado dirigindo alcoolizado ou se recusar a fazer o teste do bafômetro vai pagar um preço alto, como um rapaz que, segundo a PM, provocou um acidente no centro de Brasília. O motorista assim será multado por infração gravíssima multiplicada por 10: quase R$ 3 mil.

Nas estradas, ultrapassagem perigosa como pelo acostamento também será combatida no bolso do motorista com mais rigor: é multa de infração gravíssima multiplicada por cinco. Total: R$ 1,4 mil.

O Departamento Nacional de Trânsito afirma que a intenção dos reajustes não é aumentar a arrecadação.

“Respeitar as regras de trânsito é uma questão de respeitar o próximo. É uma questão de cidadania. Quando o indivíduo não respeita por opção própria, as multas mais caras vêm para forçá-lo”, diz Francisco Garonce, coordenador de qualificação do Denatran.

Fonte; G1

4 comentários:

acabou a política agora povo aguentar ki o bicho vai pegar é Brasil

No brasil os impostos são absurdos...devera um monte de políticos para receber um salario alto..tem q apelar mesmo

Acho é graça, pra não dizer grossa!

Que ta doendo viu, e vai doer ainda mais... Eita Brasilvey

Brasil é assim por causa dos brasileiros leigos que nem votar sabem, quem dizer exigir seus direitos!

isso tem mesmo que acontecer. por que o que tem de irresponsáveis usando celular ao dirigir é muito. deveria ser era preso

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More