ATENÇÃO PROPRIETÁRIOS DE MOTOCICLETAS! CONFIRA A PROMOÇÃO DA SOBRAL RASTREADORES

TIM (88) 9 9975.7272 / CLARO (88) 9 9299.9212 - Clique AQUI e saiba mais...

quarta-feira, 29 de março de 2017

Interrompido por militante, Doria reage: "Golpista é quem rouba o povo"

Prefeito de São Paulo respondeu aos gritos ao ser provocado por homem durante entrega de casas populares.
"Vai procurar a sua turma lá em Curitiba." Foi assim que o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), respondeu a um rapaz que interrompeu seu discurso para exaltar a ex-presidente Dilma Rousseff durante cerimônia de entrega de casas populares na zona sul da capital, na manhã desta quarta (29).

Doria dizia que estava entregando as chaves das casas novas às mulheres das famílias contempladas. "A força da mulher ninguém segura", afirmou. Em seguida, foi interrompido por um rapaz que gritou: "Força da Dilma para fazer as casas."

O prefeito reagiu de imediato e de maneira exaltada. "Olha aqui, vou aproveitar para dizer para você, que veio aqui tentar estragar a festa dessas famílias, que elas não estão de acordo com você", iniciou, com dedo em riste. "Golpista é quem rouba dinheiro público, golpista é quem rouba o povo", continuou Doria.

"Vai embora procurar sua turma. Vai procurar sua turma lá em Curitiba", gritou o prefeito. Ele, em seguida, disse que o povo "sabe quem é honesto e é decente" e encerrou pedindo uma "salva de palmas para o Brasil".

Doria rebateu o apoiador de Dilma de cima do palanque, observado por seu padrinho político, o governador Geraldo Alckmin (PSDB-SP), que não esconde sua pretensão de disputar a Presidência em 2018. Ele assistiu impassível à performance do prefeito, que se transformou na principal ameaça aos seus planos.

Diversas alas do PSDB encaram o prefeito como a melhor opção do partido para a próxima eleição ao Planalto. Com informações da Folhapress. (Daniela Lima)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More