ATENÇÃO PROPRIETÁRIOS DE MOTOCICLETAS! CONFIRA A PROMOÇÃO DA SOBRAL RASTREADORES

TIM (88) 9 9975.7272 / CLARO (88) 9 9299.9212 - Clique AQUI e saiba mais...

BLOG SOBRAL 24 HORAS - MAIS DE 130 MILHÕES DE ACESSOS!

terça-feira, 23 de maio de 2017

A ponte internacional mais curta do mundo fica entre Espanha e Portugal e mede 3 metros

A ponte do Marco provavelmente não é o que você imagina quando pensa em uma ponte internacional. Mede só 3,2 metros de longo e 1,45 metros de largura. Apesar de seu tamanho, esta ponte é um ponto de referência importante, já que liga Espanha e Portugal. Localizada de um lado no distrito do Marco em Badajoz, Espanha, e de outro lado em Arronches, no Alentejo português, é a ponte internacional mais curta do mundo. Os países estão separados pelo rio Abrilongo. Em ambos os lados há marcos que indicam ao viajante se está em Espanha ou em Portugal.

A história da ponte é curiosa. Por exemplo, ainda que seja considerada uma ponte pequena, seu tamanho atual é resultado de uma ampliação. Nos anos 90, a ponte consistia em apenas algumas tábuas de madeira. Posteriormente, acrescentaram unas chapas metálicas e um corrimão para torná-la mais segura.

Ademais, antes que Portugal e Espanha entrassem à União Européia, a ponte do Marco também foi um foco de transações ilegais. Os contrabandistas costumavam usar a ponte para passar suas mercadorias -as autoridades de ambos países convenientemente sempre olhavam a outro lado-. Os comerciantes da zona também vinham vender suas mercadorias na ponte. Na parte portuguesa vendiam café e toalhas, enquanto na parte espanhola vendiam louça, vinho e facas.

A atividade ilegal cessou quando assinaram o Acordo de Schengen, que eliminou as fronteiras entre os países membros da União Europeia. A ponte atual foi construída em 2008 com fundos proporcionados pela UE.

Se quiser experimentar o que se sente cruzar entre dois países em segundos, você deve visitar a ponte. Por desgraça (ou por sorte), e diferente de muitas pontes no mundo, não pode ser atravessada de carro.

Fonte: Atlas Obscura

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More