PROMOÇÃO DA SOBRAL RASTREADORES - FALE COM KELTON: TIM (88) 9 9975.7272 / CLARO (88) 9 9299.9212

terça-feira, 27 de junho de 2017

Há alguns dias, os EUA suspenderam temporariamente a compra de carne brasileira

O motivo alegado pelos órgãos competentes norte-americanos foi a reação da vacina contra a febre aftosa na carne.

Segundo inspeção realizada, uma espécie de lesão (secreção amarelada ou pus) estaria afetando a qualidade da carne.

Pecuaristas brasileiros alegaram que a tal ‘lesão’ é comum e não afeta a qualidade do produto.

“Claramente houve falha no processo (das vacinas). A indústria deveria ter retirado isso […] não é normal em pleno século 21 as vacinas terem tanta reação ”, disse o diretor da ACRIMAT (Associação dos Criadores de Mato Grosso) Luciano Vacari.

Blairo Maggi, ministro da Agricultura, chegou a declarar:

“Temos um problema de abscesso, um problema sanitário […] Então tem as duas coisas: a sanidade e a questão de comércio mesmo”.

Seguindo adiante …

Um funcionário de um frigorífico brasileiro (que não quis se identificar temendo represálias) publicou um vídeo na internet mostrando o problema que os norte-americanos detectaram na ‘carne in natura made in Brazil’.

No vídeo, o funcionário diz: “Não é fácil gente. Não é brincadeira não”

Assista se você tiver "estômago forte"!


Com informações do Diário do Brasil

1 comentários:

Minha nossa! Tô pra criar meus próprios animais e abatê-los eu mesmo.

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More