PROTEJA SEU PATRIMÔNIO: RASTREADORES E BLOQUEADORES VEICULARES SEM MENSALIDADES

TIM (88) 9 9975.7272 / CLARO (88) 9 9299.9212 - Clique AQUI e saiba mais...

quinta-feira, 8 de junho de 2017

Polícia confirma morte de bandidos e revela que quadrilha ia matar traficantes rivais

A Polícia confirmou a morte de quatro homens e prisão de um quinto durante um confronto ocorrido no começo da madrugada desta quinta-feira (8), na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Uma quadrilha de traficantes, oriunda do bairro Lagamar, na Capital, foi cercada pelas autoridades no momento em que seguia para a um sítio na localidade de Tapera, em Aquiraz, com o objetivo de ali eliminar um traficante rival e seus comparsas. seria uma nova chacina no Município. A primeira ocorreu há cinco dias. 

Através de investigações sigilosas, a Polícia descobriu que uma nova chacina estava sendo planejada para acontecer nas próximas horas na RMF, por conta da guerra entre traficantes dos bairros Tauape e Aerolândia, que são vizinhos, mas separados pelo Canal do Lagamar. O alvo dos criminosos era a quadrilha chefiada pelo traficante e ex-presidiário João Bosco da Rocha, 51 anos, o “João Presinha”, que havia fugido do Lagamar e estava escondida em um sítio na localidade de Tapera.

Com base nesta informação, equipes da Divisão de Combate ao Tráfico de Drogas (DCTD), com o apoio da Unidade Tática Operacional (UTO), da Divisão Antissequestro (DAS), montou uma vigilância na CE-040 e outras vias de acesso ao Município de Aquiraz. O posto de fiscalização do Batalhão de Policiamento Rodoviário Estadual (BPRE) serviu como base de apoio na “campana”.

Por volta de 3h30min de hoje, a quadrilha apareceu e foi perseguida pela Polícia na Estrada da Riviera, que dá acesso à Praia do Iguape e ao Distrito da Tapera. Ao perceber que estavam sendo cercados, os criminosos reagiram, pois estavam fortemente armados com um fuzil, pistolas e submetralhadora.

Mortes

Na troca de tiros com a Polícia Civil e o BPRE, quatro membros da quadrilha morreram e outro acabou preso. As autoridades recolheram parte do bando e confirmaram que outros integrantes da quadrilha conseguiram fugir durante o cerco policial.

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) ainda não se pronunciou oficialmente sobre o caso. Já a Polícia não confirmou se o grupo desarticulado fazia parte de alguma das facções criminosas que atuam no Ceará, onde, pelo menos, duas delas estão em “guerra”, o Comando Vermelho (CV) e a Guardiões do Estado (GDE).

A Polícia também não confirmou – nem desmentiu – a informação de que a quadrilha teria envolvimento com a chacina que deixou seis mortos, na noite do último sábado (3), também em Aquiraz, quando uma casa de Praia, na Rua Búzios, no Porto das Dunas, foi atacada, por volta de 21 horas. Na chacina, morreram seis jovens identificados por Davi Saraiva Benigno, Nilo Barbosa do Nascimento, Mateus de Matos Monteiro, Fernando dos Anjos Rodrigues Júnior, Clysmann Menezes Cavalcante e Edmilson Magalhães, o “Bola”.

João Presinha

O traficante “João Presinha” é apontado como o mais antigo chefe do tráfico no Lagamar. Bastante conhecido das autoridades policiais, já foi preso diversas vezes e há anos faz a “lavagem” do dinheiro do tráfico através de estabelecimentos comerciais que montou naquela comunidade. Sua última passagem pelo presídio foi em 2014, quando foi capturado numa operação da Delegacia de Narcóticos (Denarc), da Polícia Civil. Na mesma ação, outros seis comparsas deles foram também capturados, entre eles, seu genro, Francisco Fábio de Melo.

Fonte: Blog do Jornalista Fernando Ribeiro

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More