RASTREADORES SEM MENSALIDADES - FALE COM KELTON: TIM (88) 9 9975.7272 / CLARO (88) 9 9299.9212

PROBANK IMÓVEIS - (88) 3611.3086 / (88) 99990-5068

MENSAGEM NATALINA DA EMPRESA GRENDENE!

segunda-feira, 21 de agosto de 2017

SOBRAL: Mudança no ponto de topics desagrada população

Prefeitura garante que lugar é temporário até a construção de um terminal de passageiros como parte do plano de mobilidade urbana da cidade.
Os passageiros que vêm a Sobral de cidades da Serra da Ibiapaba, além de municípios como Coreaú, Moraújo, Mucambo e Graça estão há dois meses em um novo ponto de vans. Os transportes coletivos, que antes estacionavam nas imediações dos Correios, agora estão na Rua Estanislau Frota, entre o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e a Universidade Federal do Ceará (UFC). Motoristas, cobradores e usuários reclamam da falta de estrutura. Prefeitura diz que local é provisório até a construção de um terminal de passageiros como parte do Plano de Mobilidade Urbana. Também está em análise uma solução temporária para a estrutura do local.

Diariamente, entre 80 e 100 passageiros passam pelo terminal improvisado em cada linha de topics, segundo estimativa de motoristas e cobradores. A insatisfação é geral. Quem passa diariamente pelo local diz que não é apropriado para embarque e desembarque de passageiros. Além da falta de estrutura, como banheiros, usuários, motoristas e cobradores têm que enfrentar o sol escaldante. Eles também reclamam da insegurança. “As pessoas têm medo de assalto, os passageiros não querem mais vir a Sobral”, reclama o cobrador Antonio Marcos, mostrando que faltava apenas três minutos para a topic sair e havia apenas um passageiro.

A doméstica Liliane de Medeiros, 35, conta que teve dificuldade de encontrar o novo ponto das topics porque não havia qualquer indicação do local. Ela disse não ter gostado da mudança. “Na praça (dos Correios) a gente se sentava, era perto de lanchonete. Aqui é no meio do nada. Muito ruim. Quase não consigo achar esse lugar, imagine as pessoas idosas”, reclama.

O motorista Aroldo Farias, 46, conta que é preciso diariamente ficar em média 2h no ponto aguardando o horário de saída do próximo coletivo. “Não tem banheiro, lanchonete nem ponto de apoio”, reclama. O também motorista João Batista questiona a falta de uma área coberta e a ausência de segurança. “Já assaltaram a rota duas vezes e já assaltaram passageiros. Não tem policiamento”, diz.

O vendedor ambulante identificado como Paulo disse que muitos passageiros desistiram de vir a Sobral em virtude do novo lugar para embarque e desembarque. “Aqui tem idosos, deficientes e não tem banheiro, não tem um lugar com sombra, os motoristas que mandaram fazer uns bancos”, destaca.

Plano de Mobilidade

O Plano de Mobilidade Urbana de Sobral está em fase de finalização. Em setembro, acontecerá a terceira audiência pública para ouvir as propostas definidas até agora, de acordo com o coordenador de mobilidade da Secretaria de Obras, Mobilidade e Serviços Públicos da Prefeitura de Sobral, Saulo Passos. Ele explicou que o ponto é provisório e o Plano de Mobilidade Urbana prevê a construção de terminais. “A prefeitura está ciente e preocupada com a situação. Uma das prioridades é dar uma estrutura melhor para passageiros, motoristas e cobradores”, garante.

De acordo com Passos, já foram realizadas reuniões com os motoristas e cobradores no ponto provisório na tentativa de organizar o fluxo de veículos e pensar uma estrutura melhor para eles. “A prefeitura está avaliando projetos para resolver a situação”, destaca. Ele lembrou ainda que o Plano de Mobilidade Urbana é um planejamento iniciado no ano passado, mas já estava prevista a construção de uma estação intermodal na antiga estação ferroviária desde o Plano Diretor Participativo de 2008.

PERSONAGENS

Falta estrutura

Jefferson Gaspar, 21, fiscal da linha Mucambo

A mudança do ponto das topics foi feita por determinação da prefeitura. No entanto, segundo o fiscal da linha Mucambo Jefferson Gaspar, 21, a alteração de ponto não agradou a população. “Por conta do estacionamento ficou melhor, mas estrutura para o passageiro não tem”, destaca. Ele reclama da ausência de banheiros e de um lugar com sombra para a população e para os funcionários. “Até para quem trabalha é ruim”, garante.

Mudança desaprovada

Inácia Gomes Silva, 59, lavadeira

O novo ponto das topics desagradou a lavadeira Inácia Gomes Silva, 59. Ela vem de Reriutaba para Sobral apenas quando tem necessidade. “Ninguém na minha rua gostou da mudança. Só venho agora para Sobral quando tenho que resolver alguma coisa, só quando preciso”, destaca. Inácia reclama da insegurança, da distância do centro comercial e da falta de estrutura.


Linhas na Estanislau Frota

Tianguá
Coreaú
Moraújo
Mucambo
Pacujá
Graça
Reriutaba
Viçosa
Guaraciaba
Ubajara
Varjota
Ibiapina
Ipu
Croatá
Cariré
São Benedito

Teresa Fernandes
Jornalista
Correio da Semana

3 comentários:

Poderia ao menos ter ouvido a população primeiro,ou poderiam ter deixado eles ali por enquanto,já que iam remover os topiqueiros dali.
Já falei e falo de novo:A prefeitura faz o que quer com a população,eles mandam e desmandam.

Também a mudança do ponto de onibus do Loiola/Nossa Senhora de Fátima desagradou muito a população. Antes o onibus parava perto do mercado, em frente a uma farmacia, onde havia ate um banco para as pessoas sentares, agora precisam ir até em frente o cemitério, um local esquisito, sem infraestrutura, tendo q esperar no sol e sujeito a assaltos.

Muito triste, eu nunca mais fui de topic! Muito estranho o local!! Detestei!

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More