RASTREADORES SEM MENSALIDADES - FALE COM KELTON: TIM (88) 9 9975.7272 / CLARO (88) 9 9299.9212

PROBANK IMÓVEIS - (88) 3611.3086 / (88) 99990-5068

EVENTU´S BUFFET - (88) 99672.5393 / 99207.1980 / 99207.7000

quinta-feira, 26 de outubro de 2017

Comandante de batalhão da PM do Rio morre em troca de tiros durante assalto

O comandante do 3º BPM (Méier), coronel Luiz Gustavo Teixeira, morreu em um arrastão na manhã desta quinta-feira. O carro dele teria sido atingido por pelo menos 17 disparos. Ele chegou a ser levado ao Hospital Municipal Salgado Filho, na Zona Norte do Rio, e passou por cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, um dos disparos atingiu o peito do coronel, lesionando a aorta. A traqueia e o pulmão esquerdo do oficial também foram atingido.

De acordo com a Polícia Militar, o coronel Luiz Gustavo e o cabo da PM que dirigia o Gol branco, Nei Filho, estavam na Rua Hermengarda, no Méier, quando os carros foram parados por criminosos armados em um Audi preto. Os bandidos notaram o coronel e o cabo disparou. Os criminosos revidaram e o coronel foi alvejado.
O cabo foi atingido na perna e permaneceu atirando. Ao fim de sua munição, se abrigou e os bandidos fugiram do local. Ele também foi levado para o Hospital Salgado Filho. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, o quadro dele é considerado estável. Ainda segundo Polícia Militar, o carro usado pelos bandidos foi abandonado no local. A PM ainda não confirmou se o coronel foi atingido por disparo de fuzil.

Após os disparos contra o veículo onde estava o coronel e o PM, os criminosos fugiram em uma moto, na Rua Lins de Vasconcelos, em direção ao Complexo do Lins. Um vídeo feito por moradores da região mostra os criminosos armados escapando do local.

Após o ataque ao comandante, moradores registraram um tiroteio no Complexo do Lins, comunidade próxima da onde aconteceu a ação. Segundo o comando da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Lins, policiais se depararam com homens armados durante patrulhamento na Comunidade do Amor, na tarde desta quinta-feira. Ainda de acordo com o comando da UPP, houve confronto e ainda não há informações sobre feridos. Não há informações se esses criminosos.

O Centro de Operações publicou no Twitter que uma faixa da Rua Lins de Vasconcellos está ocupada em função de uma operação policial na altura da Rua Hermengarda. Policiais estão no local, que tem o trânsito lento.
O sonho do coronel Luiz Gustavo Teixeira, de 48 anos, era comandar o 3º BPM (Méier). Morador da região, ele comandava o batalhão há um ano e meio. O oficial era querido na corporação, onde estava há 26 anos. Ele deixa esposa e dois filhos.
Fonte: extra globo

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More