RASTREADORES SEM MENSALIDADES - FALE COM KELTON: TIM (88) 9 9975.7272 / CLARO (88) 9 9299.9212

PROBANK IMÓVEIS - (88) 3611.3086 / (88) 99990-5068

EVENTU´S BUFFET - (88) 99672.5393 / 99207.1980 / 99207.7000

quinta-feira, 26 de outubro de 2017

Temer aprova projeto, e porte ilegal de fuzil passa a ser crime hediondo

O presidente Michel Temer sancionou nesta quinta (26) o projeto de lei que torna crime hediondo o porte e a posse ilegal de armas de fogo de uso restrito às Forças Armadas, como fuzis, metralhadoras e submetralhadoras.

Temer anunciou a sanção durante cerimônia fechada no Palácio do Planalto para a assinatura do contrato de financiamento entre a Caixa e a cidade do Rio de Janeiro no valor de R$ 652 milhões.

O autor do projeto, ex-senador Marcelo Crivella (PRB-RJ), hoje prefeito da capital fluminense, era um dos convidados do evento.

"Na manhã de hoje sancionei esse projeto que impede o uso de armas de porte exclusivo do Exército, da Marinha, da Aeronáutica, porque é isso que aflige o povo do Rio de Janeiro", disse o presidente.

A medida ocorre em meio à ação das Forças Armadas no Rio para o combate ao crime organizado.

Os índices de violência no Estado alcançaram número elevados neste ano, com a morte de quase cem policiais, um a cada dois dias, além de homicídios e roubos em geral.

Fonte: Folha de S. Paulo

2 comentários:

kkkkkkkkk!! bandido tá morrendo de preocupado, com crime hediondo. tome vergonha na cara, sr. presidente e coloque leis para serem cumprida.

TEMER SÓ TÁ NA PRESEDENCIA PELOS SEUS COMPASSA VOCÉ NÃO TEM MORAL PRA NADA NÃO AI TEM E UMA QUADRILHA DE LADRÃO EM BRASILIA

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More