RASTREADORES DE MOTOS POR APENAS 10 X R$ 65,00 - FALE COM KELTON: (88) 9 9975.7272/(88) 9 9299.9212

MAURÍCIO VASCONCELOS - CORRETOR DE IMÓVEIS (88) 99208.8406

quinta-feira, 28 de dezembro de 2017

Cid admite não disputar Senado

O ex-governador Cid Gomes (PDT) já definiu dois projetos para 2018: “O Ciro ter uma boa votação, estar no segundo turno e ganhar, e Camilo ser reeleito”. Ele diz serem essas suas prioridades políticas, no que até admite não postular nada ano que vem, caso seja necessário abrir vaga na chapa pró-Camilo em favor de um acordo bom para o Estado.

Sobre isso, Cid deixa claro: “Sinceramente, minha vida está tão boa... Eu vou hesitar e vou pensar, várias vezes, antes de pensar em alguma candidatura”. Ele deixa claro que só não abre de exercer o que gosta: “Fazer militância na vida pública”. Cid até admite que, se não pensar em postular o Senado, deixaria assim o caminho aberto para que Camilo feche um acordo até com Eunício Oliveira (PMDB).

Sobre essa reaproximação Camilo-Eunício, o ex-governador avalia que tem sido “boa” para o Ceará, no momento, pois ajudou a destravar verbas para projetos importantes como o futuro Hospital Regional do Vale do Jaguaribe e outros financiamentos. Mas, observa: “Se isso vai se transformar em aliança eleitoral, só o tempo vai dizer.”

Com informações Coluna Vertical/O Povo

2 comentários:

E a briga pelo poder. Na verdade, e assim q funciona entre as facções criminosas, ou seja, ninguém quer perder a a sua ou as suas áreas. Todos defendem os seus interesses,mas é o q interessa a população fica em segundo plano .

Sobral deve muito a Cid Gomes, disso ninguém tem dúvidas. Até seus mais ferrenhos adversários reconhecem (nem que seja pra si mesmo).

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More