RASTREADORES SEM MENSALIDADES - FALE COM KELTON: TIM (88) 9 9975.7272 / CLARO (88) 9 9299.9212

PROBANK IMÓVEIS - (88) 3611.3086 / (88) 99990-5068

SBC - MELHOR PLANO DE ASSISTÊNCIA FAMILIAR - (88) 3611.1481

terça-feira, 12 de dezembro de 2017

POLÍCIA CIVIL DE CAMOCIM EM AÇÃO!

Policiais Civis da DPC de Camocim cumpriram um mandado de prisão e prenderam um indivíduo identificado como Jonas Carvalho de Lima, 20 anos, vulgo “Nenem”, detento que cumpre pena no regime semiaberto na cadeia de Camocim por prática de assalto.

A prisão aconteceu por volta das 06h da manhã desta terça-feira, 12, ocasião em que o indivíduo saía da cadeia onde havia passado o pernoite. A Polícia Civil realizou as investigações necessárias e chegou a dois nomes apontados como os autores do crime, um é Nenem e o outro é o Francisco Antônio Oliveira Silva, vulgo "Rolinha", o qual se encontra foragido. Quem tiver informações que leve a seu paradeiro ligar para o3621 6475 / 190 ou o através do nosso whatsapp 9 9233 3310.


Crime bárbaro

Nenem e outro comparsa também detento do semiaberto são apontados como os autores da lesão corporal seguida de morte que teve como vítima o Sr. Manoel Ivanildo Carvalho, o qual era recém chegado a cadeia de Camocim por prática de crime de Maria da Penha. O crime aconteceu na madrugada do dia 10 de outubro deste ano e repercutiu bastante em toda região devido os requintes de crueldade usado no crime.
A polícia procura o detento do semiaberto "Rolinha", apontado como o outro participante do crime bárbaro

Relembre o caso

Um homem identificado como Manoel Ivanildo Almeida Chaves, 48 anos, natural de Pedra Branca, foi brutalmente espancado nas dependências da cadeia pública de Camocim e morreu três dias depois. 


Entenda

Manoel Ivanildo foi preso por uma equipe da Força Tática durante a tarde da última segunda-feira, 09, sob a acusação de ter agredido e ameaçado a sua ex-companheira. Na ocasião o homem foi conduzido para a DPC de Camocim onde foi autuado em flagrante delito por crime de lesão corporal combinado com Lei Maria da Penha, sendo conduzido ainda durante a tarde do dia 09 para a cadeia pública de Camocim.


Espancamento

Por cultura, os detentos não toleram indivíduos que agridem mulheres, a recepção não costuma ser das melhores. Manoel Ivanildo foi colocado no albergue onde fica os detentos do semiaberto e foi terrivelmente espancado. Os detentos teriam escolhido a madrugada de segunda para terça (09/10) para realizar a sessão de espancamento. De acordo com informes repassados ao blog Camocim Polícia 24h, além do espancamento, os detentos ainda teriam queimado parte dos pés da vítima, deixando-o gravemente ferido.Somente durante a manhã de terça, 10, foi que o agente plantonista tomou conhecimento do ocorrido. O juiz responsável pela cadeia foi informado e resolveu realizar imediatamente a audiência de custódia e pôs a vítima em liberdade para que procurasse tratamento adequado. 


Óbito 

Já durante a manhã de quinta-feira, 12, ocasião em que o homem já estava em liberdade e bastante debilitado, o mesmo foi procurar tratamento no hospital e infelizmente veio a óbito horas depois. A Justiça deverá apurar como se deu o espancamento e penalizar os detentos culpados pelo crime.

Com informações do Portal Camocim Polícia 24h

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More