RASTREADORES - (MOTO R$ 499 E CARRO R$ 599) FALE COM KELTON: (88) 9 9975.7272 / (88) 9 9299.9212

quinta-feira, 7 de junho de 2018

PMs denunciam superiores que recebem “hora extra” sem trabalhar

Um tenente coronel e um sargento que estariam na escala da Indenização do Reforço do Serviço Operacional, mas só de fachada.
Uma denúncia de praças da PM contra policiais de patentes superiores tem agitado as redes sociais. Segundo áudios e documentos, um tenente coronel e um sargento que estariam na escala da Indenização do Reforço do Serviço Operacional (IRSO) — uma espécie de hora extra — não teriam assinado o documento, nem preenchido o relatório, muito menos comparecido ao patrulhamento, mas receberiam o dinheiro, como se tivessem trabalho.
Outro lado

O Ceará News 7 entrou em contato com o Comando Geral da Polícia Militar pedindo uma explicação, mas, até a publicação da matéria, não recebeu nenhuma resposta.

Fonte: CEARANEWS7

5 comentários:

Pior do que isso é o grande número de esposas de oficiais que constam na folha de pagamento da prefeitura e grande maioria não trabalham.

Isso é o que dar pagar por um trabalho que eles deveriam fazer naturalmente.

Concordo anônimo das 21:18, desse jeito é fácil fazer corpo mole, prova disso é os roubos de motos, já notaram que nunca prendem ninguém?
Só recuperam a moto!
Se matar a vaca não tem leite.

É uma vergonha! Vale lembrar a todos, que o portal da transparência na área servidor público, você pode consultar os salários de qualquer servidor, seja na esfera estadual ou municipal. O mais engraçado é que além de receberem diversas gratificações extras, como apreensão de armas da mais simples ao estouro de "bocas de fumo", prisões e etc. As gratificações só aumentam, além do Governo do Estado do Ceará, agora a própria Prefeitura Municipal de Sobral, aja gratificações! Vale ressaltar que um soldado pronto, recebe quase em média 5 mil reais (cinco mil) dependendo da função que ele desempenha na corporação. E quem paga por isso? E a violência só aumenta, e os crimes...

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More