RASTREADORES DE MOTOS POR APENAS 10 X R$ 65,00 - FALE COM KELTON: (88) 9 9975.7272/(88) 9 9299.9212

MAURÍCIO VASCONCELOS - CORRETOR DE IMÓVEIS (88) 99208.8406

sexta-feira, 27 de julho de 2018

Saiba como utilizar o aplicativo do Denatran que oferece até 40% de desconto em multas

Apesar de estar disponível por mais de um ano a adesão ao serviço ainda é baixa.
Em novembro de 2016 o Departamento Nacional de Trânsito (DENATRAN), lançou o aplicativo de Sistema de Notificação Eletrônica (SNE). O objetivo da ferramenta é reduzir despesas e diminuir a burocracia do processo de pagamento de multas. Para isso o aplicativo irá notificar os motoristas de suas penalidades e oferecer até 40% de desconto. E como utilizar esse serviço?

Cadastro

O primeiro passo é o cadastro; os usuários podem se registrar através do site ou do aplicativo do SNE, que está disponível para os sistemas Android e IOS. Para realizar o cadastro o usuário deverá utilizar os seguintes documentos: CPF, carteira de habilitação e código do de segurança do CRV (Certificado de Registro de Veículo). Ao completar a primeira fase do cadastro um e-mail será enviado para a validar e ativar sua conta.

Notificações

Para começar a utilizar o aplicativo é preciso também cadastrar a placa do veículo e o Renavam. Após esses passos o usuário passará a receber notificações alertando sobre antigas pendências, caso tenha, ou novas infrações. 

Em até 45 dias após a realização do cadastro fica extinto o envio de cartas para notificar os usuários, as notificações serão encaminhadas exclusivamente através do aplicativo. Caso o usuário queira voltar a receber suas notificações por carta basta cancelar o cadastro.

Pagamento 
Para usufruir dos descontos de até 40% oferecidos pelo aplicativo, o usuário deve reconhecer as infrações cometidas, ou seja, deve abrir mão de pleitear qualquer recurso de defesa. Caso o usuário opte por recorrer a multa o desconto deve diminuir, apenas 20%.

Ao ser multado uma notificação chegará ao usuário, que poderá gerar um boleto e efetuar o pagamento. Até o primeiro trimestre de 2018 apenas os estados do Ceará, Paraíba, Mato Grosso do Sul, Pernambuco, Santa Cantarina e o Distrito Federal aderiram ao sistema.

Com informações do portal O Povo

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More