RASTREADORES SEM MENSALIDADES - FALE COM KELTON: TIM (88) 9 9975.7272 / CLARO (88) 9 9299.9212

PROBANK IMÓVEIS - (88) 3611.3086 / (88) 99990-5068

EVENTU´S BUFFET - (88) 99672.5393 / 99207.1980 / 99207.7000

segunda-feira, 3 de julho de 2017

LEI DO CÃO: Jovem suspeito de furto tem mão cortada por traficantes e é morto em seguida com pedradas e tiros

Na tarde desta última quinta-feira (29) um jovem de 19 anos foi brutalmente assassinado por traficantes na rua Porto Alegre, no bairro Tancredo Neves em Salvador. De acordo com a Polícia Militar, o indivíduo identificado como Gabriel Santos foi acusado pelos traficantes de ter furtado pedestres em uma região dominada pelo tráfico. Segundo informações, os criminosos pegaram Gabriel na porta de sua residência, o levaram até a localidade conhecida como Alto do Macaco, cortaram a mão do jovem e logo após o mataram com várias pedradas e cerca de 20 disparos de arma de fogo. O crime está sendo investigado pelo Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da região. 

Repórter Cidades/Plantão Policial Jerry Mesquita
WhatsApp (64) 9 9297-8263

3 comentários:

Cade os Direitos Humanos que não denunciaram esse caso na justiça ou será que eles não tomaram conhecimento da morte desse rapaz negro. Há já sei é porque não um Policial que cortou a mão desse pobre rapaz, não um Policial que efetuou varios disparo de arma de fogo nesse pobre rapaz, não um policial que apedrejou esse pobre rapaz, não foi um policial quem comandou a execução desse pobre rapaz, porque se fosse um policial que tivesse envolvido os Direitos Humanos já estaria enviando uma grande Comissão de Advogados dizendo: Eu só Presidente dos Direitos Humanos, eu sou Psicologo, eu coordenador disso ou daquilo, onde no final de tudo não absolutamente nada só querem mesmo é aparecer na midia e receber poder, mas comou foi um traficante quem executou e ao mesmo tempo deu ordem para que tudo ocorrecem de acordo com a justiça imposta por eles, então os Diretos Humanos estão todos acuados,escondicos. Engraçado é que quando eles estão com um microfone ou sendo escoltado por policiais se centem todos poderosos arogantes e prepotentes. Na prisão daqueles policiais em Mesejana os Direitos Humanos estavam lá, estiveram acompanhando bem de perto, só deixaram o caso quando todos os Policiais foram presos, espero que eles acompanhem também de perto ou de longe o caso desse jovem pretinho que morreu vitima da maldição da DROGA que esta destruindo toda a humanidade.

Quem era para fazer isso era o próprio Estado Brasileiro, como acontece en outros países mais rígidos, pena de morte inclusive para furtos, duvido se ia ter essa legião de marginais assolando as cidades, sem medo de serem punidos. Mas enquanto os próprios governantes forem os bandidos, a população vai se contentando em ter alguma banda de forró tocando em inaugurações nas praças.

Se fosse um policial que tivesse dado uma mãosada no pe do ouvido dele ja estaria na corregedoria.
Vao la reclamar ou xingar quem fez isso com esse "pobre inocente" corja, falsos moralistas.

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More