CONTATOS: (88) 3613.1000 / (88) 9 9615.0901 / (88) 9 9696.7018 - Clique AQUI e saiba mais...

terça-feira, 7 de junho de 2016

Estado do Ceará prevê pagamento da 1ª parcela do 13º para 5 de julho

O governo manteve apenas o reajuste linear de 10,67% para os servidores que ganham a remuneração mínima. Para os demais não haverá aumento linear e a discussão continua por categoria.
Em reunião nesta segunda-feira, no Palácio da Abolição, com os sindicatos e associações que representam os servidores estaduais, o governador do Estado apresentou ao funcionalismo suas propostas de reajuste, segundo o Estado, considerando a conjuntura econômica de crise.

Foi mantido apenas o reajuste linear de 10,67% para todos os servidores que recebem remuneração mínima, que já foi aplicado para cerca de 20 mil servidores. Para os demais, foi previsto reajuste não linear, mas com negociação por categoria. Foi garantida a antecipação da primeira parcela do 13º salário de todos os servidores para o dia 5 de julho próximo.

Segundo o governo estadual, está assegurado o "diálogo permanente com todas as categorias para discutir melhorias salariais, melhores condições de trabalho, bem como o avanço da qualidade do serviço público".

A reunião e exposição de motivos, segundo o governador Camilo Santana, consideram a conjuntura desfavorável, "quando a maioria dos estados tem atrasado o pagamento dos seus servidores, ao contrário do Ceará, e após uma série de reuniões realizadas na Mesa Estadual de Negociação".

Servidores frustrados

A posição do governo na reunião desta segunda-feira acabou frustrando os servidores estaduais do Ceará, que acreditavam no anúncio de um reajuste de 12,6%. No último sábado (4), representantes do Fórum Unificado das Associações e Sindicatos dos Servidores Públicos Estaduais do Ceará (Fuaspec) afirmaram que não descartavam uma greve geral no caso de as reivindicações não serem atendidas. Agora, resta saber qual será a posição dos trabalhadores.

Com informações do Diário do Nordeste
Foto ilustrativa

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More