RASTREADORES DE MOTOS POR APENAS 10 X R$ 65,00 - FALE COM KELTON: (88) 9 9975.7272/(88) 9 9299.9212

MAURÍCIO VASCONCELOS - CORRETOR DE IMÓVEIS (88) 99208.8406

segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

MINISTÉRIO PÚBLICO INVESTIGA ISMERINO MENDES POR ENRIQUECIMENTO ILÍCITO

Servidor do Instituto de pesos e medidas de Fortaleza (IPEM-Fort), Ismerino Mendes, terá que devolver 108 mil aos cofres públicos. O ex-vereador de Sobral, no Norte do Ceará, que vinha recebendo salário sem trabalhar, poderá também responder por peculato (art. 312 do CP), cuja pena pode chegar a 12 anos de prisão. O Ministério Público também determinou a apuração criminal do caso. 
O Ministério Público acusa Ismerino de receber indevidamente, recursos tanto da Prefeitura de Sobral, como também do Governo do Estado do Ceará, acumulando funções sem nunca ter trabalhado, comprovando a Improbidade Administrativa. Ato vedado pelo ordenamento jurídico brasileiro. 

O ex-vereador, além de ser o responsável pelo Instituto de Pesos e Medidas, mantém um programa em seu canal no youtube, patrocinado por empresas que ele deveria fiscalizar. O “barba branca” do IPEM é conhecido na “princesa do Norte”, por suas frequentes denúncias contra quem faz oposição ao prefeito de Sobral, Ivo Gomes (PDT). Ismerino atualmente é funcionário da prefeitura de Fortaleza, mas não pisa na capital cearense. 

Veja a denúncia do Ministério Público abaixo:
Fonte: Wellington Macedo

3 comentários:

engraçado eu aqui precisando de trabalho pra sustentar minha família. Esses são os políticos do Brasil. No entanto não é feito nada.

ESSE DAI É UM DOS POLITICOS DO NOSSO PAÍS! PAÍS ESSE SEM MORAL COMO ESSE TAL DE ISMERINO MENDES! NO NOSSO PAÍS SÓ VAI TER MORAL QUANDO POLITICOS GANHAREM SALARIO MINIMO COMO NOS PAISES EUROPEUS!

Ministerio publico investigue mais um pouco em fortaleza, depois der uma passada também em nossa Cidade Sobral-ce. Com certeza aqui esta cheio de cargos assim !

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More