RASTREADORES SEM MENSALIDADES - FALE COM KELTON: TIM (88) 9 9975.7272 / CLARO (88) 9 9299.9212

SBC - MELHOR PLANO DE ASSISTÊNCIA FAMILIAR - (88) 3611.1481

quarta-feira, 28 de março de 2018

VIOLÊNCIA: Ladrões roubam mais uma motocicleta de agricultor na zona rural de Santana do Acaraú

O agricultor Antônio Marcos Pereira, estava na companhia de seu primo José Aurélio Pereira, transportando um portão em uma motocicleta na tarde desta terça-feira (27), quando foram abordados por dois homens encapuzados, e um deles estava armado e anunciou o assalto. Segundo as vítimas, os homens saíram de dentro do mato em uma curva situada na entrada para a fazenda Salgadinho, zona rural de Santana do Acaraú “era por volta das 4h da tarde quando eu e meu primo fomos derrubados da moto, eles aproveitaram que estávamos em baixa velocidade e já se aproximaram e derrubaram o portão que meu primo levava na garupa”, disse o agricultor, que transportava o equipamento para ser instalado em sua residência na comunidade de Equitós.

Objetos roubados - Ainda de acordo com as vítimas os ladrões levaram a motocicleta Honda Bros preta 2012 Placa (Santana do Acaraú) NRA 0896 e o celular de Antônio Marcos. Foi registrado um B.O e a PM realizou diligências, mas até o fechamento dessa edição não havia localizado os ladrões.
Violência Local - A violência no município de Santana do Acaraú aumenta de forma espantosa e chama a atenção da população e de cidades vizinhas, há uma media de três assaltos por dia e muitos deles não são registrados na Delegacia e muito menos comunicados à PM, segundo moradores há um forte sentimento de descredito na policia de inteligência, haja visto que o município está sem delegado há seis meses.

Realidade local - A Policia Militar só possui uma viatura para atender a demanda de 986 KM² de extensão territorial e 32 mil habitantes, há somente 3 policias em cada plantão. A viatura é abastecida na cidade de Sobral e os registros de praticas criminosas são registrados na delegacia Regional de Sobral, deixando o município desguarnecido em alguns casos por até 4h.
O município está ainda sem Promotor de Justiça titular e a cadeia pública, que foi construída na época do império (1870), não possui nenhuma condição mínima para acomodar as dezenas de homens e mulheres que se encontram recolhidos, os criminosos mais perigosos conseguem facilmente fugir. A população teve que mudar radicalmente sua rotina, pois além dos criminosos existentes no município ainda está recebendo uma significativa demanda de ladrões e homicidas vindos de outras cidades, entre elas Sobral, Massapê, Marco e Morrinhos.

Testemunho - “Estamos entregues nas mãos de Deus e Nossa Senhora, pois aqui se a gente for depender de prefeito, governador ou qualquer outra autoridade estamos perdidos, pois nenhum deles faz nada para o povo, o povo só é visto por eles em época de eleição, mas esse ano tem novo”, disse um comerciante que foi alvo três vezes da ação dos criminosos.

Imprensa - A TV Verdes Mares fez recentemente uma reportagem, nela foi possível ver as declarações de estudante, mãe de aluno e diretor de escola fazendo um relato sob forte sentimento de indignação contra a impotência do Estado em relação ao controle da violência local.

Nosso Blog tem registrado diariamente e quando tem acesso as informações, matéria de cunho policial com o objetivo de servir de base para as autoridades policiais e judiciais, quando elas efetivamente decidirem tomar uma decisão de política de amenizar o sofrimento e angustia do povo, que vive em um sistema de governo (presidencialismo), cuja morte já foi anunciada.

(Tribuna dos Vales)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More