RASTREADORES DE MOTOS POR APENAS 10 X R$ 65,00 - FALE COM KELTON: (88) 9 9975.7272/(88) 9 9299.9212

APOSTA DE OURO ONLINE - (88) 9 9768-6881

quinta-feira, 31 de maio de 2018

FIM DO MUNDO: CRIMES MACABROS SÃO ELUCIDADOS PELA POLÍCIA CIVIL DE IGUATU

Nas primeiras horas da manhã desta quarta-feira, 30, equipes da Polícia Civil e Militar, além do Corpo de Bombeiros e do IML de Iguatu voltaram para o Sítio Canto no Distrito de Suassurana em Iguatu, onde realizaram as buscas por mais dois corpos que estariam enterrados na localidade.

Desta vez, os policiais foram acompanhados pelos acusados de participarem dos crimes, Gleidson e Roberto, ambos estiveram na residência que está sendo conhecida como a “Casa da Morte” e apresentaram aos militares os locais onde estariam enterrados os corpos.

O primeiro local indicado e onde foi encontrado os restos mortais de uma mulher, foi dentro da casa, no chão entre o quarto e a cozinha, os Bombeiros cavaram e encontraram o corpo com características femininas.

O cadáver estava sem uma das mãos e segundo os militares, o acusado Roberto indicou que a parte do corpo estava em um pote com sal, os militares procuraram e encontraram a mão que poderá pertencer ao corpo.

O segundo corpo, foi encontrado fora da residência, em uma mata, nas proximidades da estrada que vai para o Açude Trussu, os restos mortais possuem características de um homem, neste caso, o corpo estava sem o crânio.

Após isto, a dupla presa foi conduzida para uma viatura e logo em seguida retornaram para a Delegacia Regional de Iguatu. Os restos mortais foram recolhidos pelo Rabecão e levados para o IML.

No início da tarde, o delegado Marcos Sandres recebeu familiares de uma jovem que está desaparecida em Irapuan Pinheiro e ouviram do representante da Polícia Civil que a possibilidade do corpo encontrado dentro da casa pertencer a esta jovem, é de 99%, precisando apenas da confirmação do exame de DNA.

Até o momento um total de quatro corpos foram encontrados, e as buscas continuam sendo realizadas pela polícia.
Blog do Gesso

1 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More