CONTATOS: (88) 3613.1000 / (88) 9 9615.0901 / (88) 9 9696.7018 - Clique AQUI e saiba mais...
PREÇO IMBATÍVEL! Vende-se CASA NOVA no Renato Parente. Contatos: (88) 9 9821.6636 / 9 9269.8424. Clique AQUI e saiba mais...

domingo, 29 de maio de 2016

Criança de 12 anos morre com vírus da Zika em Fortaleza

Caio Melo morreu por volta das 21h após complicações da doença. Doença é transmitida pelo mesmo mosquito transmissor da dengue.
Uma criança de 12 anos morreu com o vírus da zika em Fortaleza neste sábado (28), após complicações da doença. De acordo com familiares, o irmão da vítima apresenta sintomas de febre chikungunya, ambas doenças transmitida pelo Aedes aegypti, mosquito vetor da dengue.

Ainda segundo familiares, Caio Melo, que mora com a família em Crateús, no interior do Ceará, apresentou sintomas da doença no início da semana, que se agravou na sexta-feira (27). A família de Caio fretou um voo para Fortaleza, onde ele foi atendido, mas não resistiu às complicações da doença. Caio morreu por volta das 21h deste sábado. O sepultamento da criança ocorre às 16h deste domingo (29).

Até 2 de abril, o Brasil registrou 31.616 casos de zika; e o Ceará, 156. Já foram confirmadas em laboratório morte por zika em três cidades do Brasil: uma em São Luís (MA), uma em Benevides (PA) e uma em Serrinha (RN).

Médicos de Crateús constataram clinicamente os sintomas da doença em Caio Melo e aguardam o resultado laboratorial para confirmar a causa do óbito.

Vírus da zika
Identificado pela primeira vez no país em abril de 2015, o vírus da zika tem provocado intensa mobilização das autoridades de saúde no país. Enquanto a doença costuma evoluir de forma benigna – com sintomas como febre, coceira e dores musculares – o que mais preocupa é a associação do vírus com outras doenças.

O Ministério da Saúde já confirmou a relação do vírus da zika com a microcefalia e investiga uma possível relação com a síndrome de Guillain-Barré.

O Brasil já teve 7.150 notificações de microcefalia provavelmente relacionadas ao vírus da zika desde 22 de outubro de 2015 até 16 de abril deste ano, das quais 1.168 foram confirmadas.

Fonte: G1

1 comentários:

O que estão fazendo com o dinheiro do impostos. Essa criança e outras pagam,por um país irresponsável. Isso é uma tristeza que Deus abençoe essa família e que os políticos tenham mais consciência dos seus atos.

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More