SIGA-NOS NO INSTAGRAM

Mostrando postagens com marcador Saúde. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Saúde. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 26 de março de 2024

CAVALO ATINGIDO EM TIROTEIO ESTÁ SOB OS CUIDADOS DO HOVET UNINTA

Na última segunda-feira, (25), o Hospital Veterinário de Pequenos e Grandes Animais (Hovet) do Centro Universitário Inta-Uninta, recebeu um cavalo mestiço, de 4 anos e com 210kg ferido por disparos em um tiroteio no bairro Sumaré em Sobral (CE). O animal foi resgatado por seu dono e populares e encaminhado ao Hovet para receber atendimento.

O cavalo continua internado no Hovet-Uninta, após ter passado pelos protocolos de primeiros socorros para estabilização do paciente. O mesmo recebeu tratamento medicamentoso, e hoje, terça-feira (26), foi submetido a um procedimento cirúrgico para a remoção dos projéteis, onde a equipe médica do hospital obteve êxito e com prognóstico de recuperação favorável.

Conheça o HOVET

Fundado há 10 anos pelo Chanceler do UNINTA, Dr. Oscar Spíndola Rodrigues Júnior, o primeiro hospital veterinário particular de Sobral é referência no atendimento de animais domésticos e silvestres, de pequeno e grande porte. O hospital, que atende a comunidade sobralense e da região, funciona 24h, incluindo urgências e emergências, além de proporcionar aos acadêmicos do curso de Medicina Veterinária da instituição, um local de estágio para práticas e experiências da formação.

SERVIÇO:
Hospital de Pequenos e Grandes Animais do UNINTA (HOVET)
R. Profa. Maria Cleide Dias Carneiro, 154 - Dom Expedito, Sobral
Telefone: (88) 9951-0382

quarta-feira, 20 de março de 2024

Veneno de cascavel tem potencial para combater o câncer, diz estudo

Pesquisadores do Instituto Butantan, em São Paulo, afirmam que o veneno da cobra cascavel (Crotalus durissus terrificus) pode oferecer benefícios no tratamento do câncer. Com Informações do Metrópoles.

Um estudo conduzido por eles, em colaboração com a Universidade de São Paulo (USP) e a Universidade de Ribeirão Preto (Unaerp), descobriu que uma substância presente no veneno da serpente foi capaz de estimular o sistema imunológico de ratos para combater células cancerígenas.

A crotoxina mostrou-se eficaz na regulação das defesas do organismo dos animais, apresentando potencial para ser utilizada como uma forma de imunoterapia contra diversos tipos de câncer.

Os experimentos foram realizados em camundongos portadores de um tipo específico de tumor, o carcinoma de Erlich, que afeta apenas ratos. Os animais foram divididos em três grupos: um grupo recebeu tratamento com placebo, outro grupo recebeu uma dose baixa de crotoxina (0,9 microgramas por animal) e o terceiro grupo recebeu uma dose mais elevada (5 microgramas por animal).

Camila Lima Neves, bioquímica e autora principal do estudo, explicou que a presença da crotoxina estimulou o organismo dos animais a produzir substâncias importantes para a destruição das células tumorais, como o óxido nítrico. A resposta dos animais foi observada ao longo de 13 dias, durante os quais houve uma redução significativa no tamanho dos tumores.

A dose menor de crotoxina resultou em um aumento de 60% nas células responsáveis por combater o câncer no organismo dos animais, enquanto o tamanho do tumor diminuiu em 27%. Já a dose maior mostrou-se ainda mais eficaz, levando a uma redução de 35% no tamanho do tumor. No entanto, também provocou alterações drásticas no sistema imunológico, o que pode representar riscos a longo prazo.

O estudo foi publicado na revista Toxins em 2023, onde os pesquisadores destacam que a toxina não apenas reeducou o sistema imunológico dos animais para combater o veneno, mas também estimulou uma resposta contra o câncer.

Sandra Coccuzzo Sampaio, coordenadora do estudo no Instituto Butantan, afirmou que estão sendo estudadas formas e combinações estruturais da crotoxina com o objetivo de encontrar uma versão menos tóxica e mais eficaz no seu efeito imunomodulador e antitumoral.

Fonte: Metrópoles

quarta-feira, 13 de março de 2024

BEBÊ DE APENAS 22 DIAS M0RR3 VÍTIMA DE DENGUE EM AL

Bella Victória morreu vítima de dengue em Maceió, capital de Alagoas.
Uma bebê de apenas 22 dias identificada com Bella Victória morreu vítima de dengue no último domingo, dia 11, em Maceió, capital de Alagoas.

A bebê nasceu com anencefalia, uma malformação no cérebro. Ela apresentou febre de 41,8ºC, plaquetas baixas e manchas pelo corpo – sintomas de dengue – e mesmo assim foi mandado para casa em Maceió. Depois de receber alta por volta das 14h, a criança voltou ao hospital às 23h. Ela morreu no dia seguinte às 4h. “Minha filha não conseguiu fechar os olhos por dois dias”, disse o advogado João Victor Ferreira Nunes, pai de Bella.

Segundo atestado de óbito, as causas da morte foram dengue e anencefalia. “Foi um milagre. Nasceu com 39 semanas e tinha todos os sinais vitais. O que nos consola é o tempo que passamos com ela” afirmou o pai de Bella”, disse João Victor. O pai da garota disse que encontrou larvas do mosquito da dengue na piscina do condomínio onde a família mora na Ponta Verde, em Maceió. “Moramos no quinto andar e quando ela saiu, era toda empacotada”, completou João Victor.

Pi24h

sábado, 2 de março de 2024

HOMEM COM TUMOR DO TAMANHO DE UMA MELANCIA O REMOVE APÓS 15 ANOS DEVIDO A DANOS NO CRÂNIO

O homem de 39 anos, não identificado e proveniente da Índia, finalmente foi ao hospital após decidir que não conseguia mais suportar a dor no pescoço e a dificuldade para dormir.

O crescimento também estava causando ansiedade, depressão e dormência nas mãos, afetando sua capacidade de caminhar.

Médicos surpresos descobriram que a massa media cerca de 20cm por 15cm por 15cm.

O homem relatou que ela apareceu pela primeira vez como um pequeno nódulo quando era jovem, aos 24 anos.

Ao longo dos anos, cresceu até atingir quase o mesmo tamanho de sua cabeça.

Os médicos em Jodhpur, Índia, diagnosticaram-no com um tumor mesenquimal.

Tumores mesenquimais são crescimentos que ocorrem nos tecidos mesenquimais – que incluem fibroblastos, células nervosas, células de vasos sanguíneos e células musculares – ao redor do corpo.

A maioria é benigna, mas alguns podem ser cancerígenos ou causar problemas graves, incluindo dor e dificuldades respiratórias.

Os cientistas não têm certeza exata do que os causa, embora pesquisas sugiram que mutações no DNA possam torná-los mais prováveis.

A cirurgia geralmente é usada para tratar tumores benignos, embora os médicos possam optar por não realizar a cirurgia se o tumor não estiver causando problemas ou desconforto.

O tumor do homem era tão grande que começou a danificar a parte externa de seu crânio e agora atingia o osso interno.


DANO ÓSSEO

A pressão da massa também destruiu até 4 cm do osso na base de seu crânio.

Isso apresentou um desafio para os cirurgiões devido aos vasos sanguíneos próximos e ao cérebro.

Um movimento errado com o bisturi poderia ter sido fatal.

Mas a equipe cirúrgica, liderada pelo Dr. Dinesh Dutt Sharma, de Bluecity Jodhpur, conseguiu remover com sucesso o tumor em uma operação complexa.
As imagens mostram como o paciente ficou depois que a parte de trás de sua cabeça foi suturada, e os cirurgiões afirmaram que ele se recuperou totalmente.

O que são tumores mesenquimais?

Tumores mesenquimais originam-se de células, incluindo fibroblastos, células nervosas, células de vasos sanguíneos e células musculares.

Também são chamados de tumores de tecidos moles e tumores de tecidos conectivos. Qualquer órgão pode desenvolver um tumor mesenquimal com uma taxa de incidência diferente. Curiosamente, tumores de tecido conectivo são mais comuns em gatos e cachorros. Os tumores mesenquimais malignos são agressivos, pois as células têm uma maior capacidade de diferenciação. Tumores malignos de tecido mole são abordados com o sufixo “sarcoma”.

Fonte: iCliniq

sexta-feira, 16 de fevereiro de 2024

SOLIDARIEDADE: BEBÊ COM PROBLEMAS CARDÍACOS PRECISA SER TRANSFERIDA COM URGÊNCIA

A bebê da localidade de Mangue Seco, em Jijoca de Jericoacoara, nasceu no dia 31 de dezembro de 2023, por meio de uma cesariana.
Após o nascimento, antes de receber alta médica no Hospital de Acaraú, os médicos identificaram um problema no coração da criança, que logo em seguida, foi encaminhada junto da Mãe, para o Hospital de Sobral, onde a mesma aguarda por uma Vaga, no Hospital de Fortaleza para ser transferida.

Segundo a Avó Paterna, a criança corre sério risco de vida, caso não seja transferida com urgência e realize os procedimentos necessários. A família está bastante aflita pois, além de custos altos para ficarem em Sobral, nenhuma autoridade se prontificou até o momento para ajudar.

A família faz um apelo a todas as autoridades competentes de Sobral, Pois a Criança está correndo sério risco de Vida.

Para mais informações sobre o caso ou se houver alguém interessado em ajudar essa família, entre em contato com o genitor da criança, através do contato (88) 98167.6564, falar com o Sr. José Ribamar.

Com informações de Jijocajerionline

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2024

"VIROSE DA MOSCA" se alastra com 5 mil casos por semana no Ceará

A "virose da mosca" atingiu cerca de 5 mil pessoas por semana no Ceará em 2024. Os sintomas incluem náuseas, vômitos, diarreia e febre. A transmissão ocorre principalmente por falta de higiene e condições precárias de saneamento. A prevenção envolve medidas como lavar as mãos, desinfetar superfícies e garantir o consumo de água tratada. Em casos leves, recomenda-se uma dieta equilibrada e hidratação, enquanto atendimento médico é necessário para sintomas mais graves.

terça-feira, 6 de fevereiro de 2024

Mulher perde lábio após procedimento de harmonização facial

A balconista de farmácia Mariana Michelini, 35 anos, perdeu parte da boca e do queixo após fazer um preenchimento labial em dezembro de 2020, em Matão, município de São Paulo.

Mariana conta que não pagou pelo procedimento, ele foi uma permuta para um trabalho dela como modelo e influenciadora digital. Ela também relatou que havia sido informada de que o procedimento seria com injeções de ácido hialurônico nos lábios, no queixo e nas maçãs do rosto.

Seis meses depois da aplicação, veio uma reação alérgica grave. Mariana acordou com os lábios e o queixo inchados, vermelhos e doendo. Alguns meses depois, quando investigava as causas da alergia, descobriu que a “harmonização” foi feita com injeções de polimetilmetacrilato (PMMA).

“A harmonização ficou linda, recebi mais trabalhos ainda, mas após seis meses, tive uma grave reação. Acordei toda inchada e com dor. Voltei a mesma profissional e senti que ela estava muito nervosa”, lembrou Mariana, em entrevista ao Metrópoles.

O PMMA é uma substância plástica normalmente indicada para corrigir pequenas deformidades ou a perda da gordura facial em pessoas com HIV, conhecida como lipodistrofia. Ao contrário do ácido hialurônico ou do colágeno, o PMMA não é reabsorvido pelo organismo, ou seja, é um preenchedor definitivo.

O uso do produto para fins estéticos não é recomendado pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica e caiu em desuso justamente por ser permanente e quase sem possibilidade de remoção.

Metrópoles

Crometofobia, o medo extremo de gastar dinheiro

Gastar dinheiro, em tese, deveria ser uma fonte de satisfação. Afinal, ter dinheiro para gastar é melhor do que não ter dinheiro, certo?
Mas há muitas questões psicológicas envolvidas nesse processo que podem arruinar a experiência mesmo para quem não tem dificuldades financeiras.

Há pessoas que gastam compulsivamente e depois não conseguem pagar as contas. Mas há também aqueles que preferem não gastar. Entre eles, os que viveram na pobreza e que, quando passam a ter a possibilidade de gastar porque sua situação melhorou, se restringem às coisas mais básicas por medo de cair na pobreza novamente.

Há outros que não gastam simplesmente por ganância, preferem acumular riqueza — e levar o dinheiro para a sepultura. E há os que simplesmente têm um grande receio de gastar dinheiro.

O conceito tem um uso bastante informal, uma vez que não é um transtorno mental clinicamente reconhecido pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em sua Classificação Internacional de Doenças (CID).

No entanto, a publicação contempla algumas categorias onde a crometofobia poderia eventualmente encontrar um espaço (apesar de não ser incluída como tal).

Ansiedade excessiva

Trata-se das "fobias específicas", definidas pela OMS como "medo ou ansiedade acentuada e excessiva que ocorre constantemente ao se expor ou antecipar a exposição a um ou mais objetos ou situações específicas (por exemplo, proximidade de certos animais, voar de avião, altura, confinamento em espaços, visão de sangue ou ferimentos) que é desproporcional ao perigo real."

Os sintomas, segundo a CID, devem persistir por vários meses e ser suficientemente graves para causar "uma deterioração significativa nas relações pessoais, familiares, sociais, educacionais, de trabalho ou em outras áreas importantes do funcionamento".

Terapeutas especializados no tratamento de pacientes com sérios problemas de administração de dinheiro afirmam que, independentemente da definição clínica, é fato que algumas pessoas desenvolvem um medo desproporcional de gastar dinheiro.

Se é clinicamente uma fobia ou não, pode ser discutido, mas a angústia que essas pessoas experimentam afeta várias dimensões de suas vidas.

"Segure o dinheiro"

"Há muitas questões emocionais relacionadas a gastar dinheiro", diz Khara Croswaite, terapeuta financeira americana e autora de livros sobre psicologia e empreendedorismo, à BBC News Mundo (serviço de notícias em espanhol da BBC).

"O medo de gastar dinheiro pode levar as pessoas a desenvolver comportamentos como não pagar contas ou não comprar coisas básicas", diz ela.

Uma pessoa com medo de gastar dinheiro pode não apenas sentir ansiedade, depressão ou pensamentos suicidas, acrescenta, mas também desenvolver problemas em seus relacionamentos sociais.

Alguns se envergonham de suas dívidas e preferem se isolar, ou descartar despesas, mesmo as mais básicas, o que os leva a evitar encontros sociais e a não praticar atividades de que gostam.

O problema pode afetar o sono, a saúde e o humor. E dependendo da gravidade, pode levar a diversos transtornos de ansiedade.

"É uma espiral de pensamentos negativos", diz Croswaite.

Viver com uma fobia severa pode levar ao abuso de drogas ou álcool e, nos casos mais extremos, ao suicídio.

"Eu tinha medo de dinheiro"

"Eu morria de medo de dinheiro", diz Kelly Reeves em seu blog dedicado ao empreendedorismo e ao desenvolvimento pessoal.

Ela constantemente verificava sua conta bancária com medo do que poderia encontrar. E se tinha dinheiro na carteira, também ficava obcecada em verificar constantemente se ele estava lá.

Ao mesmo tempo, não suportava falar sobre dinheiro ou ouvir outras pessoas falando sobre o assunto.

Pagar qualquer coisa a deixava ansiosa, mesmo que fosse algo realmente necessário, como colocar gasolina no carro.

Como não pagava contas para não gastar dinheiro, ela caiu em um buraco cada vez mais profundo.

Reeves diz que chegou a um ponto em que teve de admitir que o que estava acontecendo com ela não era normal. Então decidiu fazer uma terapia que, de acordo com seu relato, a ajudou a enfrentar seus medos.

E mesmo que ainda esteja endividada, ela está em uma situação muito melhor do que no passado. "Estou pagando minhas contas com gratidão", escreve ela.

Algo raro

Uma fobia específica de gastar dinheiro "é muito rara", diz Elizabeth Sterbenz, terapeuta financeira de Los Angeles, na Califórnia.

Provavelmente pode ocorrer em associação com outros transtornos de ansiedade, ela explica, ou em conjunto com outras fobias.

"É por isso que é importante descobrir se estamos realmente enfrentando um caso de fobia de dinheiro ou se há algo mais por trás disso, algo mais profundo", diz Sterbenz à BBC News Mundo.

"Por exemplo, isso pode ocorrer como resultado de um incidente traumático do qual a pessoa pode ou não se lembrar", acrescenta.

Sintomas

No âmbito fisiológico, a pessoa que tem aversão a gastar dinheiro pode, quando confrontada com a situação, apresentar sintomas como falta de ar, taquicardia, aumento da pressão arterial, suores, náuseas, dores musculares ou diarreia.

No aspecto cognitivo, pode desenvolver pensamentos negativos ou ideias irracionais sobre dinheiro — e se sente impotente para controlá-las.

E do ponto de vista comportamental, a pessoa tende a evitar o estímulo fóbico (no caso o dinheiro) de todas as maneiras possíveis.

Esses tipos de sintomas se repetem nos diferentes tipos de fobia com maior ou menor intensidade.

Causas

As causas das chamadas fobias específicas podem ser muito variadas.

Conforme descrito no sitee Mayo Clinic, um centro médico e acadêmico americano sem fins lucrativos, elas podem incluir:

Experiências negativas. Muitas fobias aparecem como consequência de uma experiência negativa ou de um ataque de pânico relacionado a um objeto ou situação específica.
Causas genéticas e ambientais. Pode haver uma ligação entre a fobia específica e uma fobia ou ansiedade dos pais do indivíduo, ou seja, houve uma ligação devido a fatores genéticos ou um comportamento aprendido.
Função cerebral. Mudanças na atividade cerebral também podem desempenhar um papel no desenvolvimento de fobias específicas.

Tratamento

Embora existam várias alternativas para o tratamento de fobias, o uso de terapia cognitivo-comportamental é um dos mais comuns.

Algumas das ferramentas utilizadas para lidar com o problema são a "terapia de exposição" (onde o paciente é exposto ao estímulo) associada a técnicas de relaxamento, e técnicas cognitivas para lidar com pensamentos e ideias irracionais.

"Na terapia de exposição, você precisa desenvolver uma tolerância para o sofrimento causado por gastar dinheiro", diz Khara Croswaite.

Isso pode ser alcançado, ela explica, estabelecendo pequenas metas inicialmente, como gastar R$ 5 em um supermercado. Depois, por exemplo, gastando um valor consideravelmente maior comprando um presente para alguém especial.

"Trata-se de usar a repetição para confrontar o medo com o apoio de um profissional da área de saúde Como é viver com crometofobia, o medo de gastar dinheiromental", afirma a especialista.

Por outro lado, muitas fobias estão relacionadas às narrativas que construímos em torno do objeto ou situação que nos afeta, explica Elizabeth Sterbenz.

"As histórias que contamos a nós próprios" são muito influentes.

Podemos nos convencer de que somos incapazes de lidar com dinheiro, mesmo que não seja o caso.

Cada terapeuta tem sua maneira de abordar o assunto. Mas, seja como for, se o medo excessivo de gastar dinheiro ou um outro medo extremo qualquer afetar a vida normal de uma pessoa, ela deve procurar ajuda de um especialista.

Via Folha do Estado

segunda-feira, 5 de fevereiro de 2024

Mulher de 31 anos morre vítima de dengue no Piauí

Maria Crislayanne morreu vítima de dengue hemorrágica em Bom Jesus.
Uma mulher identificada como Maria Crislayanne Rodrigues da Silva, 31, morreu vítima de dengue hemorrágica neste domingo, dia 04, no Hospital Regional de Bom Jesus, a 603 km de Teresina.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde de Alvorada do Gurgueia, a mulher morava em Brasília e estava visitando familiares no Piauí. Segundo a família, Crislayanne contraiu a doença ainda em Brasília. 

Ela chegou em Alvorada do Gurgueia com sintomas da doença, que rapidamente evoluiu, exigindo a internação da jovem no dia 30 de janeiro no Hospital Regional de Bom Jesus. No local, ela morreu no último domingo, dia 04. Crislayanne fazia o curso de técnica em Enfermagem. 

Maria Crislayanne deixa marido e um filho de 10 anos. A Prefeitura de Alvorada do Gurgueia divulgou nota de pesar pelo falecimento da mulher no Piauí. “A gestão municipal e todos os servidores e colaboradores municipais, manifestam os mais profundos sentimentos de solidariedade à família e amigos. Que Deus, com sua infinita bondade, conforte todos neste momento de dor e saudade”, destacou, em nota, a Prefeitura de Alvorada do Gurgueia.

Jornalista e acadêmico de Direito. Editor do portal PI24h. Foi repórter do Portal AZ, 180 Graus e editor do Portal Meio Norte. Editor de política do Jornal Meio Norte. Apresentador e comentarista de política na Rede Meio Norte.

Fonte: Pi24h

sexta-feira, 2 de fevereiro de 2024

Centro Cirúrgico do Hospital do Coração de Sobral volta a funcionar 24 horas por dia

A chegada do Padre Raimundo Nonato Bastos a direção geral do Hospital do Coração de Sobral deu novos rumos a instituição, que, devido a uma gestão desastrosa do seu ex-gestor, Klebson Carvalho, chegou a ver muito próxima a possibilidade de fechamento, além da suspensão de diversos serviços e mudanças na rotina do hospital.
Humilde, focado, humano e compromissado com a missão, o taperuabense Raimundo Nonato aos poucos ‘tomou pé’ da situação, readequou a rota, estabeleceu novos canais de negociação com União, Estado e Prefeitura, ganhou a confiança da equipe, e devagarinho, menos do que ele queria, está fazendo o Hospital do Coração respirar novos ares.

Nesta sexta-feira, 2 de fevereiro, o Hospital do Coração anunciou a volta do funcionamento do centro cirúrgico 24 horas por dia, ampliando o potencial de atendimento da rede de saúde de Sobral, responsável pelo atendimento de cerca de 1,5 milhão de pessoas.

Via Sobral em Revista

quinta-feira, 25 de janeiro de 2024

SOLIDARIEDADE: VAMOS AJUDAR DONA VANUSA NASCIMENTO DA FROTA

Dona Vanusa Nascimento da Frota, 50 anos,  residente na zona rural de Moraújo, na localidade de Timbaúba, está precisando da nossa ajuda. Ela está com ruptura maciça no manguito rotador com lesões transfixastes nos tendões.

Ele precisa fazer o tratamento urgente e está sem condições financeiras e precisa de ajuda, quem puder ajudá-la com qualquer valor (PIX: nascielefrota225@gmail.com) ou com o tratamento médico, basta entrar em contato com o telefone (88) 98234.9459.


"Em tudo o que fiz, mostrei a vocês que mediante trabalho árduo devemos ajudar os fracos, lembrando as palavras do próprio Senhor Jesus, que disse: 'Há maior felicidade em dar do que em receber "
ATOS DOS APÓSTOLOS 20:35

Homem passa mal durante corrida, urina preto e morre em PE

Dorgival morreu após passar mal durante uma prova no agreste de PE.
Um homem identificado como Dorgival Celerino do Nascimento, 50, morreu após passar mal durante uma prova de 14 km de corrida no último domingo, dia 14, entre os municípios de Pombos e Gravatá, no agreste de Pernambuco. 

Dorgival foi diagnosticado com rabdomiólise, doença ocasionada por uma lesão muscular aguda que o fez urinar preto. Por conta do excesso de esforço físico ele precisou ser socorrido e levado para um hospital onde estava internado na UTI.

O homem passou mal ao percorrer a Serra das Russas, localizada entre as duas cidades, e foi levado para uma unidade de saúde de Gravatá. 

Na segunda-feira, dia 22, Dorgival foi transferido para o Hospital Regional do Agreste, em Caruaru. No local, ele foi internado na UTI. A causa da morte foi hepatite fulminante e rabdomiólise.

(PI24h)

segunda-feira, 8 de janeiro de 2024

INTERNAUTA FAZ DENÚNCIA CONTA O POSTO DE SAÚDE DO BAIRRO ALTO DA BRASÍLIA (CAIC)

Internauta envida denúncia para o Blog Sobral 24 horas, relatando que está faltando atendimento médico no CSF no bairro Alto da Brasília.

Confira a denúncia:

"Olá boa tarde, gostaria de fazer uma denúncia, o csf caic no Alto da Brasília está sem atendimento, só tem uma enfermeira atendendo os pacientes.

E ela falou que só vai atender a partir de 15 horas!

Agente fala com as atendentes e elas ficam debochado da cara da gente."

terça-feira, 2 de janeiro de 2024

Vacina da Covid-19 em crianças passa a ser obrigatória

A partir desta segunda-feira (1°), a vacina da Covid-19 em crianças passa a ser obrigatória. No último mês de outubro, o Ministério da Saúde incluiu o imunizante no Programa Nacional de Imunizações (PNI) e estabeleceu que bebês a partir de seis meses devem ser vacinados contra o vírus da Covid-19. O governo também informou que a vacina deve ser remodelada a cada ano, como acontece com as vacinas contra a gripe.

Segundo o ministério da Saúde, em 2024, o foco será o público de 6 meses a 5 anos. As crianças desta faixa etária devem receber três doses, sendo a primeira aplicada aos seis meses, a segunda aos sete meses e a terceira aos nove meses. A partir dos 5 anos, apenas as crianças que integram o grupo prioritário receberão uma dose de reforço, entre elas as com comorbidades e deficiência permanente.

A Gazeta do Povo já mostrou que a decisão do Ministério da Saúde que obriga a imunização de bebês e crianças contra a Covid-19 segue em direção oposta ao que apontam as evidências científicas. Não há consenso da necessidade de vacinação contra a doença em crianças, já que são consideradas um grupo de baixo risco.

Os pais que não vacinarem seus filhos poderão perder benefícios sociais, como o Bolsa Família, ou até serem penalizados com o pagamento de multa.

Na Câmara dos Deputados, um projeto de lei que prevê até um ano de detenção para os pais que não vacinarem os filhos avançou em 2023. No Senado, propostas com punições ainda maiores também estão sendo discutidas. Os textos ganham mais força com interesse de farmacêuticas que investem para influenciar diretamente com os parlamentares.

Fonte: Gazeta do Povo

segunda-feira, 1 de janeiro de 2024

Professoras de universidade pesquisam substância que induz à morte de células do câncer de mama

Três professoras da UFF estão pesquisando substância que induz à morte de células do câncer de mama. O estudo é feito por meio de modificações químicas em quinolonas, estruturas presentes em antibióticos usados para o tratamento de diversas infecções bacterianas, por exemplo.

O estudo está sendo feito pelas pesquisadoras Fernanda Boechat, Maria Cecília Bastos e Letícia Villafranca: “Apesar de ter um protocolo de tratamento estabelecido, o câncer de mama ainda é uma doença muito importante para ser investigada, porque as células tumorais podem desenvolver resistência aos quimioterápicos existentes”, explica Fernanda.

Como se sabe, o câncer de mama é a primeira causa da morte por esse tipo de doença nas brasileiras, especialmente no sul e sudeste. Para cada ano de 2023 a 2025, foram estimados 73.610 casos novos, o que representa uma incidência de 41,89 casos por cem mil mulheres.

Fonte: O Globo

terça-feira, 19 de dezembro de 2023

STF mantém 44 horas semanais e regionalização do piso da enfermagem

Por maioria, o plenário do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu manter as 44 horas semanais trabalhadas como referência para o pagamento do piso salarial nacional da enfermagem, bem como determinou a negociação coletiva regionalizada sobre o pagamento do piso no setor privado.

Os ministros encerraram às 23h59 desta segunda-feira (18) o julgamento de sete recursos sobre o assunto no plenário virtual, em que eles registram seus votos de forma remota.

Ao final, prevaleceu o entendimento do ministro Dias Toffoli, que defendeu 44 horas semanais como referência e também autorizou a redução salarial, com pagamento proporcional do piso em caso de redução de jornada.

O julgamento tem impacto sobretudo sobre o pagamento dos profissionais celetistas, que trabalham em hospitais privados. No caso de profissionais de enfermagem do setor público, o Supremo validou, em ocasião anterior, o pagamento imediato do piso.

No caso dos profissionais celetistas, a maioria dos ministros votou, no julgamento encerrado nesta segunda-feira, que seja realizada negociação coletiva para definir o pagamento do piso com prevalência do negociado sobre o legislado.

AGÊNCIA BRASIL

domingo, 17 de dezembro de 2023

Estudo aponta aumento de 150% de infartos no Brasil, o maior dos últimos 14 anos

O Brasil tem registrado um preocupante aumento de 150% nas internações por infarto nos últimos 14 anos, conforme dados do Instituto Nacional de Cardiologia (INC), que utilizou informações do Ministério da Saúde. A análise revela que, para os homens, a média mensal de internações subiu de 5.282 em 2008 para 13.645 em 2022, um acréscimo de 158%. Para as mulheres, o aumento foi de 157%, saltando de 1.930 para 4.973 internações mensais.

O estudo, fundamentado em dados do Sistema de Internação Hospitalar do Datasus, abrange a grande maioria dos pacientes do país, englobando de 70% a 75% de todos os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), incluindo hospitais públicos e privados conveniados.

Entre as causas mais comuns do infarto estão a má alimentação, sobrepeso, diabetes e o consumo de cigarro. Aurora Issa, diretora-geral do INC, aponta que o infarto do miocárdio é mais frequente em populações mais idosas e está ligado ao aumento da prevalência da obesidade. Ela também ressalta que as baixas temperaturas podem elevar os riscos de infarto, com o INC observando um aumento de 27,8% em mulheres e 27,4% em homens durante o inverno, em comparação ao verão.

Issa explica que o frio provoca a contração dos vasos sanguíneos, e que a maioria dos casos de infarto ocorre devido a um coágulo que obstrui as artérias, interrompendo o fluxo sanguíneo de forma abrupta. Fatores de risco incluem um estilo de vida sedentário, má alimentação e sono insuficiente. Homens tendem a ter mais infartos do que mulheres.

Para prevenir o entupimento das artérias, são recomendados exames regulares que medem os níveis de colesterol e glicemia no sangue. As doenças cardiovasculares permanecem como a principal causa de morte entre os brasileiros, com 7.368.654 mortes registradas de 2017 a 2021 por essa razão.

(Hora Brasília)

quarta-feira, 15 de novembro de 2023

HOSPITAL VETERINÁRIO DO UNINTA INAUGURA NOVAS INSTALAÇÕES

Na última segunda-feira (13), após passar por um rápido período de reforma, o Hospital Veterinário de Pequenos e Grandes Animais (HOVET) do Centro Universitário Inta (UNINTA) reinaugurou seu espaço, que agora conta com novas instalações. Dentre as novidades, o Solário para animais em recuperação e uma área de lazer para cães e gatos, que também servirá como local para exposição dos animais que ficam à disposição para adoção.

Durante o evento, o médico veterinário e Diretor Técnico do hospital, Dr. Ramuelly Cavalcante explicou que a ação teve por objetivo melhorar a estrutura e o atendimento do hospital. ‘’As novas instalações vieram com o propósito de favorecer nossa qualidade e que os nossos resultados sejam alcançados com maior eficácia. A intenção do solário é para que facilite as feiras de adoção, que seja um espaço em que as ONGs possam trazer animais resgatados. Também adquirimos equipamentos, treinamos nossa equipe, melhoramos o setor de emergência’’, afirmou.


SOBRE O HOVET

Destaque no atendimento a cães, gatos, pets não-convencionais, silvestres e animais de produção na região Norte do estado. O Hospital Veterinário do Centro Universitário Inta (HOVET - UNINTA) oferece atendimento contínuo, 24 horas por dia, sete dias por semana.


Serviço

Hospital de pequenos e grandes animais do Uninta (HOVET)
R. Profa. Maria Cleide Dias Carneiro, 154- Dom Expedito, Sobral
Tel.: 88. 9.9951.0382
Instagram: @hospitalveterinariouninta
Kaline Silveira -Estagiária de
Assessoria de Comunicação do Hovet

sexta-feira, 10 de novembro de 2023

Mulher morre após ser picada por escorpião que estava em roupa

Na última quarta-feira (8), uma mulher de 27 anos morreu em decorrência de uma picada de escorpião. O caso aconteceu em Vitória da Conquista (BA).

A jovem foi identificada como Roberta Ferreira. Ela foi picada na última segunda-feira (6). O animal estava em uma peça de roupa que ela vestiu sem perceber.

Inicialmente, Roberta foi levada para uma Unidade de Pronto Atendimento. Depois, ela foi levada para o Hospital Geral de Vitória da Conquista.

Apesar de ter tomado o soro antiescorpiônico e passado dois dias sob cuidados médicos, ela não resistiu.

O sepultamento da jovem aconteceu na manhã de quinta (9), em Anagé (BA).

As informações são do G1

Saúde Masculina em Destaque: Exames de Próstata por R$ 15 durante o mês de Novembro!

O delegado regional do Sindicato dos Radialistas, Ivan Frota, está liderando uma campanha, em parceria com o Laboratório Clínico de Sobral, na pessoa do Dr. Diogo Parente, voltada para a saúde masculina. Durante todo o mês, os profissionais da radiofonia sobralense poderão realizar os exames clínicos que detectam a possibilidade de CA de próstata por apenas R$ 15. O desconto exclusivo é oferecidos para associados em dia com o Sindicato.

Com mais de 15 mil mortes anuais por câncer de próstata no Brasil, essa iniciativa visa prevenir e conscientizar sobre a importância da detecção precoce. A campanha se estende até o último dia do mês. Não perca essa oportunidade de cuidar da sua saúde! Visite o Laboratório Clínico de Sobral na unidade da Rua Jornalista Deolindo Barreto, ao lado do Museu Dom José.

Via Sobral em Revista

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More