RASTREADORES SEM MENSALIDADES - FALE COM KELTON: TIM (88) 9 9975.7272 / CLARO (88) 9 9299.9212

SBC - MELHOR PLANO DE ASSISTÊNCIA FAMILIAR - (88) 3611.1481

Abertas as inscrições para ingresso no Curso de Medicina UNINTA por aproveitamento da nota do ENEM

domingo, 31 de dezembro de 2017

POLICIAIS CIVIS DA DHPP PRENDEM AUTOR DE TENTATIVA DE LATROCÍNIO CONTRA INSPETOR

A Polícia Civil, por meio da Divisão de Homicídio e Proteção à Pessoa, localizou e prendeu um homem suspeito de roubar e balear um policial civil, em menos de 24 horas após o delito.
O crime aconteceu na noite da última quinta-feira (28), em Maracanaú. A ocorrência foi registrada na Rua Capitão Valdemar de Lima, por volta das 20 horas.De acordo com as investigações, Fernando Henrique Nunes de Oliveira, 21 anos,ex integrante do PCC e atualmente faz parte da facção GDE foi preso em flagrante, abordou o inspetor de Polícia Civil com uma arma e lhe tomou o automóvel particular e seus pertences, perto da Praça da Estação, em Maracanaú. Na saída, o suspeito atirou no pé do agente de segurança e saiu levando o veículo. O inspetor foi levado para uma unidade hospitalar, onde recebeu atendimento médico e foi liberado.

Diante dos fatos, equipes da 11ª delegacia da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa, unidade designada para investigar crimes contra profissionais de segurança, iniciou as diligências de imediato, em conjunto com a Delegacia Metropolitana de Maracanaú.

Dando sequência aos trabalhos, na manhã de hoje (29), os policiais conseguiram encontrar o suspeito dentro de uma residência, momento em que ele foi preso e conduzido para a sede da DHPP. Mais cedo, o suspeito havia roubado clientes e funcionários de um posto de combustível, em Maranguape, guiando o carro do policial, que foi encontrado posteriormente. Com o autuado, foram encontrados pertences provenientes do roubo e uma quantia em dinheiro.

Em depoimento, o autuado confessou ter praticado o delito com a intenção de roubar o automóvel. Com duas passagens por tráfico de drogas e acusado da morte de um jovem nesse mês, de nome Rafael Lopes no bairro novo Maracanau,o mesmo tava usando tornozeleira e tinha sido solto a 2 meses da cadeia pública de Maracanaú.

Fernando foi autuado em flagrante por tentativa de homicídio e por roubo qualificado. As vítimas compareceram à DHPP para reconhecer o suspeito e recuperar os bens tomados.

Via fan page Polícia Civil do Ceara em Ação

1 comentários:

Atentado contra agentes de segurança era pra ser crime hediondo.

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More