CONTATOS: (88) 3613.1000 / (88) 9 9615.0901 / (88) 9 9696.7018 - Clique AQUI e saiba mais...

terça-feira, 19 de julho de 2016

SOBRAL-CE: LEITOR DENUNCIA OS FLANELINHAS

Leitor denuncia a ação dos flanelinha cidade de Sobral. Veja a denúncia na íntegra.


"Bom dia! Gostaria de pedir aos órgãos públicos que fiscalizassem esses flanelinha da cidade de Sobral. Deixei minha moto em frente a agência da Coelce, que fica localizado em frente a "Nort Motos" no Centro da cidade, quando voltei, a minha motocicleta estava em outro local com o pé torto e o guidão empenado. O flanelinha não soube informar quem mexeu na motocicleta do local e fiquei no prejuízo."

Fonte: Sobral 24 horas c/ Vc Repórter

20 comentários:

quem mudou de local foi o flanelinha, outro dia dei maior esparro num flanelinha que simplesmente colocou minha moto na faixa amarela, e qual foi a desculpa? simples, por que eu não dou nada pra ele, como se fosse minha obrigação dar dinheiro para um peste desses. Como a nossa cidade não tem autoridade, eles tomaram de conta das ruas, hoje em todas as ruas tem flanelinha, tem uns que até vendem as vagas, pode isso?

Tem que proibir esse caras

E Sobral tem autoridades para esse tipo de gente????????? Só vejo mluita autoridades para pessoas que não oferecem perigo a ninguém,Tem autoridade muito marrenta e se dizendo cumpridora do dereito quando estão perseguindo os vendedores ambulantes nas ruas ou no mercado público, más onde é realmente para eles atuarem eles não atuam.Esse ano tem eleições municipais e o só se engana quem quiser se alguns desses politicos que estão no poder atualmente, seja ele prefeito ou algum vereador for eleito é por quê o povo gosta de sofrer e merecem passar pelo que estão passando novamente.

Toda a região central da cidade está demarcada pelos flanelinhas, não existe um local que se pode simplesmente estacionar e descer do carro tranquilamente.

Fora do centro também já foi tomado por eles, basta ter algum restaurante com movimento ou então haver algum evento lá no clube dos calçadistas, que eles já estão por lá, com suas vagas garantidas para cobrarem da população que já paga inúmeros impostos.

Realmente é uma situação de indignação. Esses flanelinhas fazem o que querem e nenhuma iniciativa tomada por parte das autoridades. Esses flanelinhas são ousados, quando se trata do sexo feminino, eles agem com mais fúria. Conheço caso, onde uma menina tinha apenas $ 50 centavos, o mesmo ( flanelinha ) não gostou e devolveu o dinheiro com o tom de ameaça, ele queria mais, porém, a mesma não tinha. Logo depois, ela me contou o que aconteceu, fiquei indignado e preocupado com o estado de pânico da vítima.

Boa tarde, venho aqui também deixa minha opinião, também passei por esse transtorno com os flanelinha tem um que fica na praça de cuba o louro deixei a moto la muito cedo da manhã umas 07:00hs e ele ainda nem estava lá quando retornei ele ja se encontrava por la , ai ele correu logo para pedir o algum so que fiz de conta que nem ouvir , saber o que ele mim chamou de rap... , eu simplesmente so fiz sai não tive nem animor de fala nada, outro dia foi la na praça do são francisco deixei a moto e fui p sesc qd retornei o retrovison estava quebrado iai não falei nada pq corro o risco de se agredita na rua ;


eu lembro que uma tempo atras tinha alguns guarda municipais nas praças isso intimidava mas ele , mas nem isso vejo mas , quero ver esse concurso que vai acontece agora em outubro vão coloca os guardas la no ciopes e na prefeitura para servi ocupado os lugares e ganhado dinheiro no mole; so acho que a prefeitura em autoridade para garanti o melhor na cidade que esta sendo administrada de forma errada.


lembrado sobre o concurso que vai acontece vai entra uma senda nos cofre publico de sobral. aguarde so a proxima sanduicheira que vão compras.

Concordo com todos os comentários. Comigo aconteceu um fato desagradável e, muito ousado por parte desses flanelinhas. Estacione minha moto na praça de cuba e sai, logo logo, senti um cidadão ( flanelinha ) tocando meu ombro esquerdo. Perguntei o que tinha acontecido, o mesmo, veio me entregar uma ficha, no valor de $ 1.00. apenas recebi, Quando fui pegar a moto estacionada, não dei nada, apenas fui embora. Vi que o flalinha não gostou. Eles estão fazendo estacionamento público em espaço particular, orá, se o espaço é público, e se o cidadão paga todos seus impostos, que por sinal, muito alto, porque os órgãos públicos não fazem fiscalização constante para conter esses atos abusivos ?

Comigo aconteceu em frente a CIA do Pão. O flanelinha que fica lá, pediu um trocado assim que sai do carro, como não tinha, ele só esperou eu entrar na padaria, que foi no carro e risco da porta do motorista à porta do passageiro. Como sou mulher, percebi o ato e não disse nada com medo do que ele poderia fazer. Mas nem aquele vigilante que tem na padaria não faz nada!!!! ¬¬'

isso dai tem mais jeito não, prefeitura perdeu o controle, só começar a dar atenção quando começar a sair briga ou morte

n era pra exsiti flanelinha em sobral e em ouros lugars n servem pra nada, so qrem o dinheiro e se n der eles riscam carro e motos

Foi assim que o crime organizado se instalou em Sobral,daqui a pouco ou as pessoas terão que pagar aos flanelinhas os valores que eles cobrarem ou terão seus veiculos avariados. ou o povo de sobral mudam à administração de sobral toda ( prefeito e todos os vereadores) ou o negocio para as pessoas de bem vai piorar mais ainda e os guardas municipais só servirão para agredir as pessoas que estão tentando ganhar a vida vendendo suas mercadorias na ruas e no mercado público.

Trouxa é quem paga esses caras e fica com medo deles.. Obvio que existem flanelinhas honestos e cuidadosos, mas infelizmente são minoria.. A grande maioria não tem o menor cuidado com nossos carros e motos. Acho que não podemos nos acovardar perante as "ameaças" de danos aos nossos veículos feitas por esses caras.
O espaço é público e de nenhuma maneira pode ser privatizado por esses "profissionais". Acho que já esta na hora da guarda municipal, cttu e a prefeitura municipal tomarem alguma posição antes que a cidade se torne mais caótica do que já se encontra.
No mais, NÃO PAGUEM, pois enquanto as pessoas tiverem medo e pagarem, essa prestação de serviço às avessas continuará existindo. NÃO SEJAM COVARDES E MEDROSOS, NÃO PAGUEM.

Só existe uma maneira de resolvermos isso.
Só existe o ladrão, porque existe quem comprem o roubo.
Só existe o traficante, porque existe o viciado.
Só existe o flanelinha, porque existe os babacas que dão dinheiro os mesmos.
Já basta termos que pagar zona azul.
E já que não temos ninguém por nós, deixa quebrar essa pô....

Também concordo já passei por isso esses caras são abusados. cobrar da gente um espaço publico e se roubarem sua moto eles nem dão contam fora arranhões e machucado da moto outro dia mesmo amigo chego e moto novo com arranhão, observação o flanelinha tinha desaparecido do local.

e uma vergonha as "autoridades" d sobral nun fazer nada sobre os donos da rua ,pq se a rua e publica pq t q pagar para flanelinhas

Minha filha foi abordada por um flanelinha Pedro na Praça de Cuba que na negativa de não ter dinheiro para ele o mesmo passou a ameaca-la.

Um franelinha aleijado que fica na loterica da pra de cuba certo dia todo arrogante disse: esse neguinho nunca dá nada, nesse dia dei mais foi uma capacetada bem dada na cabeça pra ele respeitar, nunca mais me pediu nada.

Justifiquem o voto no dia da eleiçao ou se vendam de novo. Cabe á voces decidirem.

amigos nao defendendo ninguem, mais enquanto isso os delegados recebendo propina do PCC o veveu comprando sanduicheira por 3 mil acho que tem coisa mais importante pra fazer do que se importar c esses caras, do jeito que tem medico ruim tem advogado tem flanelinha kkkkk bjo....

Na realidade vc tem que dar dinheiro para eles com o intuito deles não fazer nada com os veículos da gente, experimente colocar seu veiculo no "local deles" e não dar nada, a primeira coisa que eles fazer é gravar a placa. TAMO É FERRADO MESMO!!!!

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More