CONTATOS: (88) 3613.1000 / (88) 9 9615.0901 / (88) 9 9696.7018 - Clique AQUI e saiba mais...
PREÇO IMBATÍVEL! Vende-se CASA NOVA no Renato Parente. Contatos: (88) 9 9821.6636 / 9 9269.8424. Clique AQUI e saiba mais...

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Danilo Forte quer recursos para a eólica no Ceará

Isso mesmo. Foi na semana passada. O deputado federal e presidente do diretório estadual do PSB, Danilo Forte, participou da votação da MP 735 no plenário da Câmara dos Deputados e, que tratou da legislação do setor elétrico. Na oportunidade, o parlamentar destacou a importância da energia eólica nos estados da região Nordeste, principalmente o Ceará, e defendeu a continuidade de investimentos nas fontes de energia alternativa. Falando da tribuna da Câmara Federal e depois à imprensa, Danilo Forte (foto), ressaltou textualmente: “É necessário que sejam mantidos os subsídios para o setor energético, visando a execução de projetos essenciais para a região Nordeste, em especial para o Estado do Ceará”.

Referência

O presidente do PSB Estadual e considerado hoje um dois mais influentes parlamentares nas mídias eletrônicas foi enfático ao afirmar: “O nosso estado é referência para todo o Brasil na utilização do seu potencial eólico para a geração de energia”.

Alternativa

Também afirmou: “A energia eólica é uma alternativa saudável e não poluente, que tem gerado emprego e desenvolvimento nas regiões mais pobres do Brasil. O Ceará tem uma perspectiva de investimento em seus parques eólicos no patamar de 24 bilhões de reais, superior, inclusive à sonhada refinaria prometida pelo Governo do Partido dos Trabalhadores, e que nunca saiu do papel”, enfatizou.

Falhas

De acordo com informação do Tribunal de Contas dos Municípios-TCM, os portais de transparência de 29 prefeituras e 51 câmaras municipais apresentam problemas de descumprimento à Lei da Transparência. As falhas se referem à falta de divulgação em tempo real e ausência de informações promenorizadas sobre a execução das receitas e despesas. O TCM abriu os devidos processos que podem resultar em multa e desaprovação de contas dos responsáveis e encaminhou a lista ao Governo do Estado, uma vez que as irregularidades cometidas comprometem a liberação de recursos estaduais por meio de convênios. Atenção prefeituras e câmaras municipais, o TCM está atento.

E o desmonte?
Belíssimo trabalho. É preciso que se elogie para estimular os bons e chamar à atenção dos relapsos, o que vem realizando conjuntamente o Tribunal de Contas dos Municípios e o Ministério Público, inclusive, com reuniões e instruções aos prefeitos para que realizem a transição de governo dentro das regras absolutamente legais. Quem estiver pensando que vai desmontar as gestões para entregar aos seus sucessores municípios inviáveis e endividados poderão pagar caro por isso. Depois não digam que não avisamos. (Griffo de Marcos Saraiva e Vovô Viana).

1 – Uma enxurrada de prefeitos(as) eleitos no recente pleito em todo om País, estão indo a Brasília para os primeiros contatos com ministérios e o fazem, na companhia de deputados federais e senadores dos seus estados. Claro, bom que seja assim. 2 – Nos últimos dias, por exemplo, os senadores Tasso Jereissati e Eunício Oliveira (PSDB e PMDB), receberam muitos prefeitos eleitos em Brasília, dentre outros, Carlos Windson (PR), de Tauá; Auxiliadora (Tirica), de Aratuba, representada por seu marido, o ex-prefeito Júlio César Batista; e Frank Chaves, de Pacajus, “escoltado” pelo prefeito Nezinho, que também levou a tiracolo o futuro mandatário de seu município, o tucano Chico César. 3 – Tomei conhecimento e passo à frente: que o jovem futuro prefeito de Pacajus, Frank Chaves está escolhendo uma equipe de altíssimo nível para ajudá-lo a governar o sempre problemático município. E para uma das secretarias bem importantes já teria sido convidada uma ex-secretária estadual de dois governos. Seu nome: Fátima Catunda. Anotem para conferir.

Fonte: O Estado CE

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More