CONTATOS: (88) 3613.1000 / (88) 9 9615.0901 / (88) 9 9696.7018 - Clique AQUI e saiba mais...

domingo, 6 de novembro de 2016

Secretário preso suspeito de fraude no Enem é gestor em Alto Santo/Ce

O suspeito foi submetido a um detector de metal durante a prova.
O Secretário da Saúde preso suspeito de fraude no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), no segundo dia de prova, domingo, 6, é o gestor do município deAlto Santo, Antônio Diego Lima Rodrigues. A informação foi repassada por uma fonte da Polícia Federal. 

A operação aconteceu de forma discreta e foi socicitado que o coordenador da faculdade, no Centro de Fortaleza, onde acontecia a prova, fizesse uma abordagem por meio de um detector de metal. 
Secretário preso exibe ponto eletrônico aos policiais
O POVO apurou que o candidato foi convidado para outro local durante a prova, para ser submetido ao detector, que não foi usado pelos policiais federais. A PF acompanhou com cuidado para que a operação acontecesse de forma velada, sem que atrapalhasse ou chamasse a atenção dos demais alunos que faziam prova. 

"Depois de encontrado o dispositivo foi dada a voz de prisão para não chamar atenção. Foi como uma abordagem de rotina, fora do local da prova", relatou. 

O envolvimento de outras pessoas no caso ainda está sendo investigado pela PF. O suspeito deve continuar preso e não cabe fiança. 


O caso 

A Polícia Federal prendeu em flagrante um candidato suspeito de tentar fraudar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2016, durante a aplicação das provas deste domingo,6, em Fortaleza.

Segundo a PF, as investigações da Operação Embuste, que foi deflagrada nesta tarde pela PF em Minas Gerais, com o auxílio do Ministério Público Federal e do INEP, apontaram que um candidato, que fazia prova em uma universidade no centro de Fortaleza, estaria fazendo uso de equipamentos eletrônicos presos ao corpo com pontos de escuta nos ouvidos.

De acordo com a PF, o suspeito, 34 anos, foi encaminhado à sede da Superintendência Regional da Polícia Federal no Ceará e informou em depoimento que era secretário da Saúde de um município do Ceará.

O preso responderá à Justiça Federal pelos crimes contra a fé pública, patrimônio, paz pública, dentre outros crimes. A segurança do Enem é realizada com o acompanhamento da Polícia Federal.

Fonte: O Povo / JÉSSIKA SISNANDO

2 comentários:

olha só! secretário da sáude, no minimo não deve sobrar nada para o povão, essas porras tem que pegar cana pesada...

Aconteceu a mesma coisa no concurso da PMCE 2016, PF vamos ficar de que tá virando rotina no Ceará.

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More