ATENÇÃO PROPRIETÁRIOS DE MOTOCICLETAS! CONFIRA A PROMOÇÃO DA SOBRAL RASTREADORES

TIM (88) 9 9975.7272 / CLARO (88) 9 9299.9212 - Clique AQUI e saiba mais...

BLOG SOBRAL 24 HORAS - MAIS DE 130 MILHÕES DE ACESSOS!

sábado, 18 de março de 2017

Carne fraca: JBS e BRF perdem bilhões em um único dia

Levantamento realizado pela Economatica apontou que JBS e BRF perderam bilhões em valor de mercado após operação da Polícia Federal.
A operação da Polícia Federal Carne Fraca deflagrada na última sexta-feira (17) impactou as ações da JBS e da BRF. Os papéis fecharam em queda de 10,58% e 7,25%, respectivamente.

O mau desempenho na Bolsa ontem fez com que as empresas perdessem valor de mercado.

Segundo um levantamento realizado pela consultoria Economatica, a pedido de EXAME.com, a empresa dos irmãos Batista perdeu 3,456 bilhões de reais em um único dia, passando de 32,632 bilhões de reais na quinta-feira para 29,643 bilhões de reais na sexta-feira.

A BRF perdeu 2,31 bilhões de reais no mesmo período e fechou a semana valendo 29,317 bilhões de reais.

Sobre a operação

A Polícia Federal explicou que operação Carne Fraca tem como objetivo de desarticular organização criminosa liderada por fiscais agropecuários federais e empresários do agronegócio.

Em nota divulgada, a PF afirmou que a operação detectou, em quase dois anos de investigação, que as Superintendências Regionais do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, do Paraná, Minas Gerais e Goiás atuavam diretamente para proteger grupos empresariais, em detrimento do interesse público.

No total, foram 309 mandados judiciais, sendo 27 de prisão preventiva, 11 de prisão temporária, 77 de condução coercitiva e 194 de busca e apreensão, em residências e locais de trabalho dos investigados e em empresas supostamente ligadas ao grupo criminoso. A operação foi a maior já realizada pela Polícia Federal em sua história.

O comunicado da PF afirmava ainda que os agentes públicos, utilizando-se do poder fiscalizatório do cargo, mediante pagamento de propina, atuavam para facilitar a produção de alimentos adulterados, emitindo certificados sanitários sem qualquer fiscalização efetiva.

“Dentre as ilegalidades praticadas no âmbito do setor público, denota-se a remoção de agentes públicos, com desvio de finalidade para atender interesses dos grupos empresariais. Tal conduta permitia a continuidade delitiva de frigoríficos e empresas do ramo alimentício que operavam em total desrespeito à legislação vigente.”

O que diz a JBS

Em relação à operação realizada pela Polícia Federal na manhã de hoje, a JBS esclarece que não há nenhuma medida judicial contra os seus executivos. A empresa informa ainda que sua sede não foi alvo dessa operação.

A ação deflagrada hoje em diversas empresas localizadas em várias regiões do país ocorreu também em três unidades produtivas da Companhia, sendo duas delas no Paraná e uma em Goiás. Na unidade da Lapa (PR) houve uma medida judicial expedida contra um médico veterinário, funcionário da Companhia, cedido ao Ministério da Agricultura.

A JBS e suas subsidiárias atuam em absoluto cumprimento de todas as normas regulatórias em relação à produção e a comercialização de alimentos no país e no exterior e apoia as ações que visam punir o descumprimento de tais normas.

A JBS no Brasil e no mundo adota rigorosos padrões de qualidade, com sistemas, processos e controles que garantem a segurança alimentar e a qualidade de seus produtos. A Companhia destaca ainda que possui diversas certificações emitidas por reconhecidas entidades em todo o mundo que comprovam as boas práticas adotadas na fabricação de seus produtos.

A Companhia repudia veementemente qualquer adoção de práticas relacionadas à adulteração de produtos – seja na produção e/ou comercialização – e se mantém à disposição das autoridades com o melhor interesse em contribuir com o esclarecimento dos fatos.

O que diz a BRF

Em sua página de relações com investidores, a BRF publicou o seguinte a seguir, assinado pelo diretor presidente global, Pedro de Andrade Faria.

A BRF, nos termos da Instrução CVM nº358, de 3 de janeiro de 2002, comunica aos seus acionistas e ao mercado em geral que, em relação à operação da Polícia Federal realizada na manhã desta sexta-feira, está colaborando com as autoridades para esclarecimento dos fatos.

A companhia reitera que cumpre as normas e regulamentos referentes à produção e comercialização de seus produtos, possui rigorosos processos e controles e não compactua com práticas ilícitas.

A BRF assegura a qualidade e a segurança de seus produtos e garante que não há nenhum risco para seus consumidores, seja no Brasil ou nos mais de 150 países em que atua.

Fonte: exame.abril

9 comentários:

Puta que pariu!Agora eu sei o que fizeram com o corpo da Elisa Samudio.......Até papel eles colocavam na linguiça, era por isso que quando eu cagava não precisava nem limpa a bunda

Pior foi que eu encontrei um cabelo na carne eu pensei que fosse da minha mulher, agora eu descubro que era do Tony Ramos(garoto-Propagada da Friboi)...Já tão até falando que o Roberto Carlos não tem uma perna, vendeu pra fazer linguiça

FICOU SUBENTENDIDO ELES QUEREM NA VERDADE DIZER CARNE PODRE OU CARNIÇA,ASSIM DOUTOR VENDENDO PAPELÃO COMO LIGUIÇA QUALQUER UM FICA BILHONARIO AINDA BEM QUE SOU NATURALISTA,REALISTA E OTIMISTA DE ACRETITAR QUE UM DIA ISSO TUDO MUDARA.

Vixe!
Num era do filho do Lula essa porra?

Cambada amaldiçoada, escomungados dos meio dos infernos estão acabando com tudo mesmo, um pais com tantas riquezas está sendo motivo de nojo,asco, descredito para o resto do mundo e continuam gozando da cara das pessoas de bem que fazem de tudo para viver direito respaldados pela falta de justiça e tudo tem dedos podres da maioria dos politicos brasileiros,
Meu povo vamosfazer com que nenhum desse politicos que estão no poder sejam reeleitos ano que vem,visto que anos que vem tem elleiçoes.

A JBS,pode colocar a nota publicitária que quiser com intuito de se retratar, más isso para mim não justifica,

recentimente ouvi uma recomendação, para que o povo evitasse de comer qualquer tipo de produto que fosse embalado. como por exemplo salsichas, salame linguiças etc. pois poderia causar câncer. então ás coisas estão batendo. alguem já deveria saber, que esses empresarios e politicos ganânciosos já estava aprontando, com á humanidade. é por isso que os hospitais não dão vencimentos com tantos doêntes. e já arrumaram até uma maneira de se safarem, tudo agora é virozi.

rapáz quer saber, depois que esses petralhas entraram no poder, trouceram até musquito da dengue para o nordeste. e agora essa de carne podre. e os idiotas ainda falam, que esse maldito dos nove dedos é gente fina. só faltava essa.

e foi mosquitos no atacado. pois é verdade, isso começou à 8 anos. e nunca mais parou.

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More