ATENÇÃO! NÃO PERCA SEU VEÍCULO PARA A BANDIDAGEM!

ADQUIRA JÁ O RASTREADOR E BLOQUEADOR EM TEMPO REAL: FALE COM O KELTON OU LIGUE (88) 99975.7272/99299.9212. CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS

segunda-feira, 30 de setembro de 2019

Witzel quer o fechamento da fronteira com Paraguai, Bolívia e Colômbia para conter o tráfico de drogas e armas

O Governo do Rio de Janeiro, Wilton Witzel, vai pedir à entidade internacional que feche as fronteiras e puna a Bolívia, Colômbia e Paraguai, de onde, segundo o governador, partem as armas e drogas traficadas para o Rio.

O Argumento de Witzel é a violência causada por traficantes de armas e drogas no Estado. Em resposta a violência, Witzel disse que recorrerá nesta semana à Comissão de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU).

Witzel disse ter convidado o ministro da Justiça, Sérgio Moro, a recorrer com ele à ONU contra os três países, mas, sem resposta até agora, poderá sozinho buscar a ajuda. “Tentei que o ministro (Sérgio) Moro viesse comigo. Estou aguardando. Mas se não vier, vamos sozinhos, porque o Estado do Rio de Janeiro vai fazer o seu trabalho”, respondeu, em entrevista durante o Rock in Rio.

“O próprio Conselho de Segurança da ONU pode tomar essa decisão, de retaliar o Paraguai, a Bolívia e a Colômbia no que diz respeito às armas”, completou.

Com informações da Exame

1 comentários:

esse governador é exemplo, os outros deveriam tomar ele como exemplo

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More