ATENÇÃO! NÃO PERCA SEU VEÍCULO PARA A BANDIDAGEM!

ADQUIRA JÁ O RASTREADOR E BLOQUEADOR EM TEMPO REAL: FALE COM O KELTON OU LIGUE (88) 99975.7272/99299.9212. CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS

quarta-feira, 7 de agosto de 2019

Polícia Civil prende jovem que participou do assalto e morte de sanfoneiro

No apartamento onde a garota estava, a Polícia encontrou objetos roubados no assalto.

Policiais do 30º DP (São Cristóvão) transferiram para o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) a jovem presa sob suspeita de envolvimento no crime de latrocínio (roubo seguido de morte) que teve como vítima o músico Francisco Lucas Soares. O sanfoneiro foi assassinado com um tiro no abdome ao reagir durante um assalto em uma churrascaria no bairro Sítio São João, na zona Sul da Capital.
Cristiele confessou no 30º DP sua participação no crime e chegou a rir

Cristiele da Cunha Alves, 18 anos, já confessou sua participação no crime. Segundo ela, em depoimento no 30º DP, junto com uma amiga foi ao local observar o movimento dos clientes e informar aos comparsas o momento certo para eles invadirem o lugar e anunciar o assalto. Os dois homens ficaram à distância, do lado de fora do ponto comercial.

Cristiele e a amiga – já identificada – pediram uma cerveja e ficaram observando a movimentação dos clientes e ligaram de um celular para os comparsas. Era o sinal que eles esperavam para invadir a churrascaria.

O comerciante reagiu, chegando a ferir um dos assaltantes com golpes de facão. O sanfoneiro estava na companhia da esposa, a cantora Elba Soares, e amigos, quando percebeu o momento em que um dos criminosos ia atirar no dono da churrascaria, sem amigo. Lucas tentou desarmar o bandido e foi atingido com um tiro no abdome. A esposa e os amigos socorreram o sanfoneiro, mas ele acabou morrendo no hospital.

Os ladrões fugiram levando vários objetos dos reféns, como chaves de veículos, carteiras, bolsas e celulares.

Prisão

Cristiele foi localizada pela Polícia em um apartamento popular na comunidade Maria Tomásia, onde a Polícia constatou a presença de sangue, supostamente do bandido ferido durante o assalto, Também foram encontrados no local, vários objetos que haviam sido roubados dos clientes da churrascaria.

A Polícia já identificou todos os envolvidos no crime e faz busca para prendê-los.
Objetos roubados das vítimas durante o assalto, foram recuperados pelos policiais civis

Nas investigações, a equipe do 30º DP descobriu que Cristiele teria se envolvido no incêndio criminoso a um ônibus no bairro Jangurussu, em janeiro último, durante a temporada de ataques criminosos no estado.

3 comentários:

VAGABUNDA!!! ERA JÁ PRA TER MORRIDA NOS ASSALTO QUE ELA JÁ PARTICIPOU

É isso aí, mulheres devem ser respeitadas mas desse tipo aí o que ela merece, vejam ela ri, o que há de engraçado???

Pqp!! A Cumadi ainda faz é pose e sorrir pra foto,tamanha a certeza da impunidade

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More