SOBRAL RASTREADORES - (88) 99975.7272 / 99299.9212

terça-feira, 1 de dezembro de 2020

Em meio a impeachment, Witzel se batiza em igreja evangélica

Governador afastado compareceu em igreja evangélica na Zona Norte da capital para passar por batismo.
Ainda vivendo um momento conturbado politicamente, o governador afastado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, decidiu se apegar à fé para tentar evitar sua iminente saída do Palácio Guanabara. No último domingo (29), o ex-juiz federal se batizou em uma igreja evangélica na Zona Norte da capital fluminense. A informação foi divulgada pelo jornal O Dia.

Segundo a publicação, a família Witzel era bastante ligada à espiritualidade enquanto permaneceu nos palácios Guanabara e Laranjeiras, com a primeira-dama, Helena Witzel, se consultando com uma espírita antes da tomada de uma decisão importante.


SOBRE O PROCESSO DE IMPEACHMENT

Na segunda-feira (30), Witzel apresentou sua defesa no processo de impeachment ao tribunal misto de julgamento, que dará a palavra final sobre a perda de mandato do ex-juiz. No documento, ele se defende das acusações de irregularidades na contratação da Organização Social (OS) Iabas para a construção de hospitais de campanha e na requalificação da Unir Saúde.

O documento protocolado por Witzel pede que sejam ouvidas 13 testemunhas, entre elas o ex-secretário estadual de Saúde Edmar Santos e o empresário Mário Peixoto, apontado pelo Ministério Público Federal (MPF) como sócio oculto das OSs.

Com a entrega da defesa, o presidente do Tribunal de Justiça do Rio (TJ-RJ) e do tribunal misto, desembargador Cláudio de Mello Tavares, marcou para a próxima sexta-feira (4), às 11 horas, nova sessão do tribunal. Na ocasião, os cinco deputados e cinco desembargadores que integram o grupo vão definir o calendário do julgamento.

(Pleno News)

1 comentários:

Não funcionou nem pro Crivela, que era pastor!

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More