SOBRAL RASTREADORES - (88) 99975.7272 / 99299.9212

segunda-feira, 10 de maio de 2021

Braga Netto lembra a 2ª Guerra: "A cobra pode fumar novamente"

O ministro da Defesa, general Walter Braga Netto, falou em nota divulgada nesta sexta-feira (7) sobre a participação militar do Brasil na 2ª Guerra Mundial. Na data conhecida como Dia da Vitória, o general apontou que “a cobra fumou e, se necessário, fumará novamente”.

– Anualmente, nessa data, celebramos o Dia da Vitória, representando o marco final do amplo esforço aliado na defesa dos ideais democráticos – disse Braga Netto na nota.

Os comandantes do Exército, general Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, da Marinha, almirante Almir Garnier Santos, e da Força Aérea, tenente-brigadeiro Carlos de Almeida Baptista Jr. também assinaram o texto.

A expressão “a cobra fumou” foi uma resposta à descrença do povo na época. Dizia-se que era mais fácil uma cobra fumar do que o Brasil entrar na guerra. Quando as tropas brasileiras foram enviadas à Itália, a expressão “a cobra vai fumar” entrou para o vocabulário brasileiro.

– O conflito cobrou um alto custo do Brasil: 3 navios de guerra foram perdidos e 33 navios foram atacados, causando mais de 1450 mortes no mar; 22 aviões abatidos e cerca de 500 brasileiros tombaram em combate na Europa. Hoje retratamos a vitória dos valores da democracia, da justiça e da liberdade. A história se sucede de fatos e de ensinamentos. A ‘cobra fumou’ e, se necessário, fumará novamente – disse o general.

1 comentários:

Parece que o tal de Braga Neto não conhece historia mesmo!
A vergonhosa participação brasileira, não acrescentou em nada na guerra, além de duras baixas de soldados rasos e mal treinados, que perderam suas vidas em terras estrangeiras.

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More