SOBRAL RASTREADORES - (88) 99975.7272 / 99299.9212

terça-feira, 28 de setembro de 2021

Mulher é presa por mandar matar companheiro após descobrir que ele namorava própria filha e genro

Uma mulher de 36 anos foi presa preventivamente, nessa segunda-feira, 27, suspeita de tentativa de assassinato do próprio marido de 38 anos e da filha dele, de 20 anos. O crime foi orquestrado depois de Maria Aparecida Barroso descobrir que os dois, pai e filha, tinham um relacionamento amoroso. O caso aconteceu na cidade de Canindé, a 121,3 quilômetros de Fortaleza. Segundo a Polícia, a suspeita foi avisada sobre o caso incestuoso pelo namorado da jovem de 20 anos, que também é acusado de participação no crime e foi preso.

Pai foi baleado no último dia 29 de junho, e a filha foi atingida ao tentar intervir. Os dois foram encaminhados a uma unidade hospitalar, e a jovem já recebeu alta. O homem segue internado.

Segundo a Polícia, o homem de 38 anos mantinha um relacionamento com sua própria filha. Ao saber da situação, a companheira dele, Maria Aparecida, orquestrou o assassinato de ambos, marido e enteada dela. Ainda de acordo com as investigações, os dois suspeitos de executar o crime teriam sido contratados pelo namorado da filha, um homem de 26 anos, com antecedentes por crimes de trânsito.

Enquanto o primeiro não concordava que o pai mantivesse relações sexuais com a própria filha, a mulher reclamava do comportamento abusivo do companheiro. "A mulher confessou que mandou matar (o marido) porque sofria agressões dentro de casa, não podia sair de casa, e ela disse que chegou a tentar suicídio", disse Daniel Aragão, titular da Delegacia Regional de Canindé.

Os dois foram presos em Canindé, em uma ação conjunta da Polícia Civil e equipes da Polícia Militar. Eles foram encaminhados à Delegacia Regional de Canindé, onde o mandado de prisão por tentativa de homicídio foi cumprido.

Fonte: Portal O Povo

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More