sábado, 1 de janeiro de 2022

Ações no STF questionam proibição de comprovante de vacinação em universidades

A decisão do ministro da Educação Milton Ribeiro, que proibiu a exigência de comprovante de vacinação em universidades e institutos federais, continua provocando polêmica.

O PDT anunciou que vai entrar com ação no Supremo Tribunal Federal (STF) para pedir que seja concedida autonomia a reitores para decidir sobre a exigência do documento.

A Associação dos Dirigentes de Instituições Federais de Ensino Superior (Andifes) já anunciou que também estuda entrar com ação contra a decisão do Ministério da Educação.

Nas instituições particulares o assunto ainda está sendo discutido. Grupos de educação analisam a implementação de algum tipo de controle, principalmente a partir da segunda semana de janeiro, já que as aulas devem começar no dia primeiro de fevereiro. (CN7)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More