sexta-feira, 18 de março de 2022

37 novos delegados da Polícia Civil são nomeados para reforçar a segurança pública do Estado

O governador deu boas vindas aos novos delegados e destacou o constante investimento na área de segurança pública que vem sendo promovido. Ele destacou que, desde a última segunda-feira (14), 532 novos policiais civis (escrivães e inspetores) estão em treinamento. “Hoje estamos assinando a nomeação de 37 novos delegados da Polícia Civil, e assim vamos reforçar as delegacias 24 horas. Estamos fazendo todo um esforço para garantir a eficiência policial e a tranquilidade da população cearense”, ressaltou Camilo.

Para o delegado geral da Polícia Civil, a nomeação é uma das ações importantes na valorização dos profissionais de segurança pública do Estado. “Iremos potencializar a nossa capacidade de investigação, principalmente em homicídios e no combate das organizações criminosas”, disse Sérgio Pereira.

O titular da SSPDS aponta que esse reforço ao efetivo é essencial para aumentar a inteligência policial do Ceará. “Estamos vivendo um momento muito importante, com o anúncio do reforço em nosso efetivo para combater o crime organizado, e nas demais investigações. Temos de ter uma inteligência policial investigativa, e por isso precisamos desse reforço, principalmente na Região Metropolitana de Fortaleza, como por exemplo em uma nova delegacia em Maranguape, na DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa) e Draco (Delegacia de Combate às Ações Criminosas Organizadas). Tudo isso somado aos novos 532 policiais civis em treinamento, e outros 227 novos integrantes da Pefoce, vão aumentar nossa capacidade de investigar e produzir inteligência policial”, falou Sandro Caron.

A vice-governadora lembrou em sua fala da importância da junção de forças no combate ao crime e a violência, mas também em ações de prevenção. “É importante enfatizar que esse reforço na Polícia Civil chega para continuar o enfrentamento da violência no Ceará e aumentar o poder de investigação. Tenho certeza que todas as equipes da segurança pública estão empenhadas em avançar para sermos, pouco a pouco, vitoriosos nessa luta contra a violência. Os novos delegados só têm a agregar e contribuir à Polícia Civil”, apontou Izolda Cela.

Finalizando a transmissão, Camilo Santana listou que o Estado não tem medido esforços no reforço policial, com a realização de concursos públicos, mas também continua investindo nas ações preventivas, com areninhas, escolas de tempo integral, intervenções urbanas, entre outras ações. “Temos um desafio enorme, que é combater a violência, mas seguimos com a valorização dos profissionais de segurança pública com as promoções, e investindo na compra de equipamentos”, finalizou o governador.

Formação

Antes de chegar à nomeação, os candidatos ao cargo de delegado participaram do Curso de Formação e Treinamento Profissional que teve uma carga horária de 720 horas/aula.

Durante quase quatro meses, os alunos passaram por intenso treinamento prático e teórico, acompanhando aulas de mediação de conflitos, direitos humanos, direito penal, defesa pessoal; ética e cidadania; criminologia, análise criminal; polícia comunitária; investigação policial; tiro policial defensivo e estágio operacional , entre outras disciplinas importantes para o exercício das funções de delegado de Polícia Civil, de acordo com a competência estabelecida na legislação.

1 comentários:

Reforçar a segurança do Ceará kkkkkk vc podem e ligar 190 ou 181 q o resultado e o msm nada e nada

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More