sexta-feira, 18 de março de 2022

Seis pessoas são capturadas durante operação da Polícia Civil na Região Norte

Nas primeiras horas desta quarta-feira (16), a Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) desencadeou a “Operação Catunda”, uma ofensiva de combate ao crime organizado no município de mesmo nome. A ação teve, como alvos, indivíduos membros de um coletivo criminoso com atuação nos municípios de Catunda, Monsenhor Tabosa e Tamboril – pertencentes à Área Integrada de Segurança 16 (AIS 16) do Estado. Ao todo seis pessoas foram capturadas, sendo cinco homens em Catunda e uma mulher na cidade de Monsenhor Tabosa

A “Operação Catunda”, coordenada pela Delegacia Municipal de Santa Quitéria, é fruto de um trabalho que durou cerca de seis meses de investigação, com a finalidade de cumprir 13 mandados judiciais – oito de prisão preventiva e cinco de busca e apreensão. Dentre os presos, nesta quarta-feira, estão Antônio Erismar Pires Ferreira; Marcos Eudario Borges de Sousa (21); Magna Samia Peres de Sousa (29); Luciano Felipe da Silva (36) e Vagner Pereira Paiva (22), com antecedentes por tráfico de drogas; e Ernando Gomes Franca (38). Este último foi conduzido à unidade policial, onde foi autuado em flagrante por posse ilegal de arma de fogo.

Além das capturas, as equipes realizaram o cumprimento dos cinco mandados de busca e apreensão, resultando na localização de uma espingarda artesanal, três munições calibre 38, uma motocicleta, cinco aparelhos celulares, dinheiro, roupas camufladas e anotações contendo listas de pagamentos, além de 114 gramas de substância análoga a maconha embaladas em pacotes para comercialização e 130 gramas de substância análoga à cocaína.

A ofensiva contou com o apoio do Departamento de Polícia Judiciária do Interior Norte (DPJI Norte), das delegacias Regionais de Sobral, Canindé, e Crateús, e das delegacias Municipais de Varjota, Guaraciaba do Norte, Tamboril, Monsenhor Tabosa e Ipu. Todos os presos foram conduzidos para as unidades da PC-CE, onde foram efetivados os cumprimentos dos mandados de prisão preventiva. Em seguida, todos foram recambiados às unidades prisionais da região, onde encontram-se à disposição do Poder Judiciário.
Denúncias

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que auxiliem os trabalhos policiais. As informações podem ser direcionadas para o (88) 3628-0190, o número da Delegacia Municipal de Santa Quitéria.

As denúncias podem ser encaminhadas ainda para o número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ou para o (85) 3101-0181, que é o número de WhatsApp, pelo qual podem ser feitas denúncias via mensagem, áudio, vídeo e fotografia.. O sigilo e o anonimato são garantidos.

(Polícia Civil Ceará)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More