quinta-feira, 19 de dezembro de 2019

POLÍCIA CIVIL FECHA ABATEDOURO CLANDESTINO DE FRANGOS EM TIANGUÁ/CE

Policiais Civis da Delegacia Regional de Tianguá, na Serra da Ibiapaba, sob o comando do Delegado Dr. Miguel Sales, em conjunto com a Vigilância Sanitária do referido município, realizaram no início da manhã desta quinta-feira, 19/12/2019, as prisões de três homens acusados de estarem abatendo frangos ilegalmente.
O abate clandestino funcionava no Bairro do Cemitério, em um local totalmente inadequado para o abate das aves, que em seguida eram comercializadas no comércio local.

Os indiciados foram: Lucival de Sousa Carneiro, Carlos Batista de Sousa, e Antônio Carlos Menezes Santos, os quais foram presos por infração ao artigo 268 do código penal (Dec.Lei 2848) ART.7, IX, crimes contra a ordem tributária (Lei 8137), haja visto terem sido surpreendidos logo após terem sido flagrados realizando abate clandestino de frangos, em condições impróprias para o consumo humano, no Bairro do Cemitério,  na cidade de Tianguá.
Segundo a Polícia Civil, os acusados não tinham autorização da vigilância sanitária para aquela atividade. O abate de frangos era realizado em um lote situado em área residencial, e já havia reclamação, nesta repartição, de um morador próximo, por conta do meu cheiro e muitas moscas decorrentes daquela atividade. Além de vários frangos já abatidos, também encontraram ali outros muitos frangos vivos que seriam abatidos diariamente

O mau cheiro constatado no local era muito forte, e também puderam comprovar o grande número de moscas, motivo pelo qual levou os três acusados a receberem voz de prisão.

No local, os policiais ainda apreenderam diversos objetos, como: várias caixas de plástico, facas, balanças, reboques e vários frangos vivos e abatidos.

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More