quarta-feira, 22 de abril de 2020

Polícia caça criminosos que assassinaram sargento do CPChoque numa tentativa de assalto em Fortaleza

Policiais do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), da Coordenadoria de Inteligência Policial (CIP) do Estado-Maior da PM, Coordenadoria de Inteligência da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (Coin/SSPDS), e da Inteligência do Comando de Policiamento Especializado de Choque (CPE/Choque), estão nas ruas de Fortaleza na caça aos criminosos que mataram um policial militar na noite desta terça-feira (21), na Capital.

A vítima do crime de latrocínio (roubo seguido de morte) foi um PM destacado no Comando de Policiamento de Choque. O primeiro-sargento Carlos Alberto de Figueiredo Júnior, 45 anos, foi atingido com um tiro no pescoço ao ser atacado por dois bandidos na Avenida 13 de Maio, no bairro de Fátima, na zona central da Capital.

De acordo com o relato de testemunhas, o militar estava à paisana e havia parado seu veículo, um jeep Renegade, no estacionamento da lanchonete Habib’s para comprar um lanche. Estava acompanhado da esposa. Ao retornar, foi atacado por dois bandidos armados. O PM não teve tempo sequer de reagir. Ao perceberem que se tratava de um policial e que estava armado, um dos criminosos atirou no militar.

O sargento foi socorrido por uma patrulha do Policiamento Ostensivo Geral (PG) para o Instituto Doutor José Frota (IJF-Centro), mas não resistiu.

Os criminosos fugiram em um veículo modelo Corolla, branco, e não foram ainda localizados. A arma do militar e seus outros pertences, além do carro, não foram roubados. A esposa dele, que testemunhou tudo, não foi atingida pelos tiros.

Foragidos

Ainda à noite, surgiu nas redes sociais a informação de que os suspeitos do crime haviam sido presos e o carro usado no crime localizado abandonado na BR-116, no Município de Itaitinga, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Contudo, tal informação não foi confirmada pelas autoridades da Segurança Pública nem pelo Comando-Geral da PM. As buscas continuam.

O sargento Figueiredo era destacado no 2º Batalhão de Policiamento de Choque (Batalhão Humaitá), antiga Companhia de Controle de Distúrbios Civis (CDC) e estava nas fileiras da Polícia Militar há 22 anos.

Na noite de ontem, o Comando da PM, através da sua Assessoria de Comunicação Social e Imprensa, divulgou para seguinte nota oficial sobre o fato:

“A Polícia Militar do Ceará informa com pesar o falecimento do 1º SGT PM CARLOS ALBERTO DE FIGUEIREDO JUNIOR, 45 anos, na noite desta terça-feira, 21, em Fortaleza-CE. O referido policial militar ingressou na Corporação em 15 de junho de 1998, na qual desempenhou seu trabalho em prol da segurança do povo cearense. Atualmente, o PM pertencia ao efetivo do Comando de Policiamento de Choque (CPChoque). O Comando da Corporação se solidariza com a dor dos familiares e amigos, ao tempo em que coloca o aparato da Instituição à disposição. Posteriormente, informaremos o horário e local do velório e sepultamento. Assessoria de Comunicação da PMCE”

(Blog Fernando Ribeiro)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More