sábado, 25 de abril de 2020

Witzel vai criar "Secretaria de Justiça" para ter Sergio Moro

Governador do Rio de Janeiro disse que só falta formalizar o convite ao ex-ministro da Justiça.
Neste sábado, o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, afirmou que irá criar uma Secretaria de Justiça e convidar o ex-ministro da Justiça, Sergio Moro, para ocupar o cargo. A declaração foi dada durante uma entrevista ao portal Uol.

Moro pediu demissão do governo nesta sexta-feira (24) após o presidente Jair Bolsonaro decidir trocar o comando da Polícia Federal (PF). Ao comentar sobre o ex-ministro, Witzel afirmou que ele poderia ter um papel de destaque no governo do Rio.

– Eu ainda não fiz o contato, acabei perdendo o telefone do ministro, mas já solicitei e pretendo falar com ele e formalizar o convite que, aliás, já está feito. A minha intenção é criar a Secretaria de Estado de Justiça. Nessa estrutura, ele poderia fazer a integração entre os órgãos: o MP [Ministério Público], as polícias Civil e Militar, e o Judiciário. Eles precisam estar integrados, alinhados com instituições federais, no combate ao crime organizado, no aprimoramento da Justiça do estado. Quem faz essa integração hoje sou eu. Intensificaríamos o trabalho de combate à lavagem de dinheiro e daríamos o espaço político para ele trabalhar – afirmou.

O governador já havia convidado Moro para um cargo nesta sexta após o ministro anunciar, em pronunciamento, sua demissão.

– Assisto com tristeza ao pedido de demissão do meu ex-colega, o Juiz Federal Sergio Moro, cujos princípios adotamos em nossa vida profissional com uma missão: o combate ao crime. Ficaria honrado com sua presença em meu governo porque aqui, vossa excelência, tem carta branca sempre – destacou.

(Pleno News)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More