terça-feira, 14 de julho de 2020

Crise deve fechar 1,8 mil restaurantes na Capital; confira locais famosos que encerraram atividades

Estimativa da Abrasel aponta que crise deve causar fechamento definitivo de 30% dos negócios do ramo na Capital, em torno de 1,8 mil estabelecimentos.
Com a interrupção das atividades devido ao período de isolamento social ocasionado pela pandemia do novo coronavírus, cerca de 1,8 mil restaurantes na Capital de Fortaleza não irão mais abrir, segundo estima Taiene Righetto, diretor executivo da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes no Ceará (Abrasel-CE).

A projeção corresponde a 30% dos 6 mil restaurantes formalizados em atividade na Capital. O setor diz que ainda não tem o número absoluto de restaurantes que já encerraram as atividades desde o início da pandemia.

Righetto pontua que, caso os estabelecimentos sigam fechados, "o setor pode quebrar pela metade", já que os fechamentos definitivos podem chegar a 50% do total em atividade.

Além disso, ele ressalta que este momento de reabertura serve para trazer "confiança e segurança" ao consumidor, mas que não será possível contornar os prejuízos ocasionados pela pandemia. 

"Este é um momento de trazer segurança e confiança ao cliente, de que ele não precisa ter medo, pois os estabelecimentos estão bem preparados para recebê-los", comenta.

O diretor executivo ainda comenta que, em relação aos ganhos do setor, neste momento, os restaurantes que reabriram apresentam um faturamento de apenas 30% do que tinham antes, um valor que não dá para recompor as perdas sofridas durante a pandemia.
Lista: confira alguns dos restaurantes famosos que fecharam na Capital

Alfredo

Conhecido por ser especialista em frutos do mar, o tradicional restaurante "Alfredo, o Rei da Peixada" anunciou na última quinta-feira (9) através de suas redes sociais, o encerramento de suas atividades. O estabelecimento foi inaugurado em 1958 e, ficava localizado na orla da avenida Beira-Mar (Mucuripe). 

Floresta Brasil

Ainda em abril, o restaurante Floresta Brasil também anunciou sua "carta de despedida", através do Instagram. O estabelecimento já estava em Fortaleza há quase três anos, localizado no Meireles. Além de encerrar as atividades, o restaurante ainda dispensou mais de 80 colaboradores.

"Já seria quase impossível reerguer uma casa tão grande em um momento pós-crise. E para piorar, nossa negociação com a imobiliária/proprietária foi praticamente nula por parte deles. Apesar de toda energia e capital investido, não dá para continuar... O Floresta Brasil fechou no auge, mas sua vibração ficará sempre em nossas lembranças. Fizemos o melhor que podíamos", pontua a publicação divulgada pelas redes sociais do estabelecimento.

L´Café Art e Bistrô

Com mais de sete anos de funcionamento, o bistrô L'Café também encerrou suas atividades com a crise gerada pela pandemia. Além do funcionamento normal para cafés e refeições, o estabelecimento também era um local procurado para a realização de encontros, reuniões, casamentos e batizados.

O bistrô ficava localizado no bairro Edson Queiroz e fechou as portas em maio. Através de suas redes sociais, o estabelecimento comunicou o fim das atividades. "Foi uma decisão difícil e triste, mas infelizmente, necessária. Agradecemos imensamente o apoio dos clientes, colaboradores, fornecedores, parceiros e à todos que passaram pela nossa casa", diz o estabelecimento através de suas redes sociais.

Boozer's

Especializado para o público que gosta de rock, a casa Boozer's Pub fechou as portas em abril, devido à pandemia da covid-19. O estabelecimento estava operando na Capital há quase seis anos. Através de suas redes sociais, eles divulgaram uma nota de despedida informando que estavam passando por uma "reorganização interna para superar a crise de 2019".

"O futuro era promissor porque estávamos passando por uma reestruturação e reorganização interna para superar a crise de 2019, porém não conseguimos renegociar algumas dívidas durante esse período de confinamento, o que tornou nosso retorno impossível em um momento pós-pandemia... Agora é hora de nos cuidarmos, ficarmos em casa. Sentiremos falta de vocês", comenta a publicação divulgada pelo estabelecimento.

Cavalieri

Com um conceito diferente e moderno dos demais restaurantes da Capital, o Cavalieri Confraria foi um dos estabelecimentos que também fechou as portas por conta da pandemia. Atuante em Fortaleza desde março de 2017, o estabelecimento ficava localizado na Aldeota e unia em um só espaço um mix de serviços e produtos, que ia desde a gastronomia, studio de beleza a charutaria.

O anúncio do fechamento foi feito através das redes sociais do restaurante em maio. "Hoje a nossa jornada chega ao fim. Estamos nos despedindo, mas com a certeza de que estaremos eternizados nas memórias e nos corações de nossos clientes e colaboradores que com certeza lembrarão do Cavalieri com muito carinho!", dizia o comunicado.

Blablabar

O Blablabar Bar & Cozinha também anunciou o encerramento definitivo das atividades em maio deste ano. "Gostaríamos de agradecer a todos que estiveram conosco nesta aventura", diz o comunicado. O bar ficava na Rua Ana Bilhar, no bairro Varjota.

Com informações do DN

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More