quinta-feira, 27 de agosto de 2020

Com sangramento, grávida é expulsa de carro de app e bebê morre

Motorista não queria sujar o carro.
Uma mulher grávida que estava em um carro de aplicativo perdeu o bebê após ser expulsa do veículo por apresentar um sangramento. O motorista não queria sujar o banco do carro e mandou ela se retirar. O caso aconteceu nesta segunda-feira (24), em São Paulo.

A história foi revelada pela RecordTV.

Daiany Franco, de 31 anos, tinha pouco mais de 3 meses de gestação. Ela teve um sangramento e decidiu ir para o hospital. Ela e a mãe então chamaram um carro por aplicativo. No entanto, o motorista ficou insatisfeito quando soube que ela estava com um sangramento e mandou ela descer do carro no meio do caminho, para evitar sujar o banco.

De acordo com a mulher, o motorista avisou repetidas vezes que “se o banco do carro manchasse elas teriam que pagar”.

Mesmo com as ameaças e respaldado pelas regras do próprio aplicativo sobre a limpeza do veículo em caso de sujeira provocada pelo passageiro, o homem decidiu expulsar mãe e filha grávida do carro. Ele deixou as mulheres em um posto de gasolina.

Câmeras de segurança registraram o momento que elas desceram do carro.

Nas imagens, é possível ver a avó desesperada pedindo ajuda aos frentistas, enquanto a gestante aparentava sentir dor. Após alguns instantes, um carro da polícia apareceu e as levou para o hospital.

Daiany precisou passar por um cirurgia, mas não houve tempo de salvar o bebê. Ela acredita que se o motorista do aplicativo tivesse seguido viagem com ela, talvez ela ainda pudesse ter salvado o filho.

A empresa responsável pelo aplicativo afirmou que o motorista foi bloqueado e que está prestando auxílio à mulher.

(Pleno News)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More