sexta-feira, 28 de agosto de 2020

Mulher é presa após cortar barriga de amiga grávida e roubar bebê

O corpo de uma mulher identificada por Flavia Godinho Mafra, que estava grávida, foi encontrado com marcas de tijoladas e cortes na barriga provocados por estilete. O cadáver foi encontrado na manhã desta sexta-feira (28) em uma empresa de cerâmica desativada em Canoinhas, na Grande Florianópolis.

Segundo um site de notícias do Globo, a suspeita é que uma amiga da vítima,Rozalba Grimm, tenha feito uma emboscada para cometer o assassinato e ficar com a recém-nascida. Ferida, a bebê foi levada a um hospital pelo marido da suspeita. Ambos foram presos.

A vítima estava desaparecida desde a tarde de quinta-feira (27). Segundo o delegado Paulo Alexandre Freisleben da Silva, ela teria sido levada até o local do crime pela suspeita, que é amiga da vítima.

"Ela disse que estava grávida e teria perdido a criança há dois ou três meses, mas não comunicou aos familiares, inclusive nem teria falado para o marido, que estaria muito empolgado com a gravidez dela. Ela disse que iria fazer um chá de bebê e convidou a vítima para participar", explica.

No entanto, a amiga acabou levando a vítima até a cerâmica desativada e a atingiu com tijoladas na cabeça. O estilete foi encontrado no local do crime

"Depois, com um estilete cortou a barriga dela para tirar o bebê. A ideia dela era matar a mulher e ficar com a criança", explicou o delegado.

O delegado disse que o bebê foi levado pela suspeita para o Hospital e Maternidade Maria Sartori Bastiani, onde a mulher investigada teria informado que teve um parto espontâneo. 

O delegado afirmou que foi o companheiro da suspeita que acabou lavando o recém-nascido até o hopsital. A Polícia Militar foi acionada pela equipe médica, que desconfiou dos cortes profundos no corpo do bebê. 

Flavia estava grávida de 38 semanas e era diabética.

Via Portal do Holanda
Foto ilustrativa

1 comentários:

Membro de certos grupos sociais vivem de forma doentia causando dor uns aos outros.Psicopatas soltos fingindo ser normal.

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More