segunda-feira, 5 de outubro de 2020

Saiba o que na verdade era o “Lobisomem” que viralizou na internet

Após o vídeo do “lobisomem” flagrado no Distrito Federal viralizar nas redes sociais, o G1 foi até o local em que a criatura teria sido vista, na QNO 19, do setor P Norte, em Ceilândia.

G1 esteve no local nesta segunda-feira (5). Vizinho contou que arrumava carro quando viu a cena em 1º de outubro – uma noite de lua cheia.

Após o vídeo do “lobisomem” flagrado no Distrito Federal viralizar nas redes sociais, o G1 foi até o local em que a criatura teria sido vista, na QNO 19, do setor P Norte, em Ceilândia.

A rua residencial fica em frente a um terreno descampado, com um campo de futebol improvisado, e a obra da nova Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da região. Conversando com moradores, a reportagem descobriu que o lobisomem de Ceilândia era, na verdade, um homem adestrando um cachorro da raça rottweiler.

O instalador de som automotivo Leandro Figueiredo, de 32 anos, contou que arrumava um carro do lado de fora da garagem de casa e viu tudo.

“Não era um lobisomem não. Era um cara, que sempre está por aqui, adestrando um cachorro”, disse o morador.

O caso do “lobisomem” de Ceilândia “visto” na última quinta-feira (1º) – noite de lua cheia – ganhou repercussão após ser divulgado em uma página de humor chamada “Ceilândia muita treta”.

Um vídeo que circula em redes sociais mostra a silhueta de algo que parece caminhar sobre quatro “patas” – e logo a figura misteriosa foi atribuída a do “lobisomem”, um personagem do folclore brasileiro. Segundo a lenda, trata-se de um homem que se transforma em lobo nas noites de lua cheia.

Fonte: G1

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More