SOBRAL RASTREADORES - (88) 99975.7272 / 99299.9212

quarta-feira, 18 de agosto de 2021

Ex-secretário prisional do RJ apertou a mão de líder de facção

Preso pela Polícia Federal (PF) na terça-feira (17) acusado de favorecer a atuação da facção Comando Vermelho no Rio de Janeiro, o agora ex-secretário Estadual de Administração Penitenciária do estado, Raphael Montenegro, chegou até a cumprimentar o criminoso Wilton Carlos Rabello Quintanilha, conhecido como Abelha, apontado como “presidente” do grupo criminoso.

Um vídeo divulgado pela TV Globo mostrou a saída de Wilton do presídio Vicente Piragibe, no Complexo de Bangu, que teria acontecido irregularmente no dia 27 de julho de 2021. Mesmo com mandados de prisão pendentes, o criminoso saiu do local pela porta da frente.

As investigações que resultaram na prisão do ex-secretário apontaram que Montenegro atuou para favorecer a atuação do CV no Estado e realizou diligências para viabilizar o retorno de membros da facção criminosa na penitenciária federal de Catanduvas, no Paraná, para o Rio de Janeiro.

O ex-titular da pasta prisional foi exonerado pelo governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro (PL). Para o lugar de Montenegro foi nomeado o delegado federal Vitor Hugo Poubel. De acordo com nota do governo estadual, a substituição “já havia sido decidida na semana passada e aguardava os trâmites da cessão” do novo secretário.

Em nota, o governo do estado disse ainda que ajudará nas investigações da Operação Simonia, deflagrada na manhã de terça-feira pela PF em conjunto com o Ministério Público Federal (MPF). O objetivo da ação é desarticular esquema criminoso estabelecido na cúpula administrativa da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária do Rio de Janeiro (Seap). (Pleno News)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More