SOBRAL RASTREADORES - (88) 99975.7272 / 99299.9212

quinta-feira, 5 de agosto de 2021

Seis vereadores são presos no Rio pelo desvio de R$ 40 milhões em propina

A terceira fase da Operação Chorume prendeu, nesta quinta-feira (5), oito pessoas ligadas a fraudes na área de limpeza pública no município de Carmo, Região Serrana do Rio. Destas, seis são vereadores que recebiam propina para não fiscalizar as irregularidades nas contratações.

A ação conjunta é conduzida pelo Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) e a Promotoria de Justiça de Carmo, a Polícia Civil do Rio atua como parceira operacional.

As prisões ocorreram devido a uma nova denúncia contra 23 pessoas apresentada à Justiça. De acordo com as investigações, os prejuízos iniciais aos cofres públicos alcançam R$ 40 milhões. O valor ainda é apurado em novos contratos que passam por investigação.

Um prefeito já foi preso na primeira fase da operação, segundo afirma o MP. Além dele e dos parlamentares, também são alvo da ação empresários e outros membros do Executivo.

Os suspeitos podem responder pelos crimes contra a lei de licitações, organização criminosa, corrupção ativa e passiva, lavagem de dinheiro e peculato.

(Diário do Poder)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More