sábado, 5 de março de 2022

Itália apreende iate de R$ 360 milhões do homem mais rico da Rússia

As sanções econômicas impostas à Rússia pelas potências ocidentais estão afetando fortemente o empresário mais rico do país governado por Vladimir Putin, o oligarca da siderurgia Alexei Mordashov. Suas empresas têm sido afetadas fortemente pelo bloqueio e, nesta sexta-feira (4/3), autoridades italianas informaram ter apreendido o iate particular do bilionário russo, que estava ancorado em um porto na Lugúria, no paradisíaco noroeste do país europeu.

Um porta-voz do gabinete do primeiro ministro da Itália informou nas redes sociais a apreensão da embarcação, segundo ele avaliada em 65 milhões de euros, ou R$ 360 milhões, aproximadamente, na cotação desta quarta.

Nesta semana, o oligarca russo, que tinha a fortuna estimada em quase US$ 30 bilhões, transferiu um pedaço da mineradora que preside para a esposa, Marina Aleksandrovna Mordashova, e reclamou das sanções, além de ter até criticado a guerra ao pedir o “fim do banho de sangue”.

“Eu não tenho absolutamente nada a ver com as atuais tensões geopolíticas. Não entendo porque sanções foram impostas contra nós”, reclamou Mordashov, que é apontado como alguém próximo a Vladimir Putin.

Via Terra Brasil

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More