ANUNCIE AQUI NO SOBRAL 24 HORAS E EM NOSSAS REDES SOCIAIS

segunda-feira, 27 de junho de 2022

Casal vai à Justiça para encerrar união estável, mas acaba se casando

Max Tony Mateus dos Santos e Marcielle Lima, juntos há mais de 10 anos, surpreenderam a todos ao se casarem na última terça-feira, 21. O que ocasionou a surpresa foi que, um dia antes, na segunda-feira, 20, os dois foram ao Tribunal de Justiça do Amapá (TJ-AP) para assinar a dissolução da sua união estável

No entanto, em uma conversa com os servidores do local, o casal acabou desistindo da separação e casando no civil no dia seguinte. O caso aconteceu na cidade de Pedra Branca do Amapari, no centro-oeste do Amapá.

De acordo com o tribunal, a mediadora Nilce Ferreira e o conciliador Elivaldo Silva, responsáveis por receber o casal, perceberam que ainda existiam sentimentos entre os dois.

Por isso, os dois teriam utilizado de técnicas como a de constelação familiar e círculo restaurativo, para que Marcielle e Max voltassem atrás na sua decisão. As informações são do portal de notícias G1.

A esposa explicou que ainda existia algo em comum entre eles, e que a mediadora perguntou se os dois queriam se casar na segunda-feira - no dia que foram assinar o fim da união estável.

De acordo com o tribunal, a mediadora Nilce Ferreira e o conciliador Elivaldo Silva, responsáveis por receber o casal, perceberam que ainda existiam sentimentos entre os dois.

Por isso, os dois teriam utilizado de técnicas como a de constelação familiar e círculo restaurativo, para que Marcielle e Max voltassem atrás na sua decisão. As informações são do portal de notícias G1.

A esposa explicou que ainda existia algo em comum entre eles, e que a mediadora perguntou se os dois queriam se casar na segunda-feira - no dia que foram assinar o fim da união estável.

(O Povo)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More