terça-feira, 10 de janeiro de 2023

"Rei do Piseiro": empresário de cantores cearenses é solto após prisão por tráfico de drogas no CE

A reportagem apurou que o suspeito promove festas no Interior do Estado e gerencia carreiras musicais.
A Polícia Civil prendeu dois homens suspeitos de tráfico de drogas. Um dos detidos é Vinícius Cruz de Aquino, de 27 anos, empresário no ramo da música cearense. Também foi detido Lucas Oliveira do Nascimento, 28. As capturas aconteceram nessa segunda-feira (9) em decorrência de uma investigação com foco nos "alvos envolvidos com a comercialização de drogas na região sul do Estado".

Horas após as capturas, a Justiça decidiu soltar Vinícius. O magistrado substituiu a prisão em flagrante por medidas cautelares, como: não frequentar bares ou festas, proibição de se ausentar da comarca onde reside, comparecer mensalmente a central de cédula de monitoramento para justificar atividades e endereço.

Sobre Lucas, o juiz decidiu converter a prisão em flagrante em prisão preventiva. Na decisão, o juiz destacou que "restar caracterizada a necessidade de garantia da ordem pública" e que ele "representa grave perigo à ordem pública, frente à probabilidade de reiteração da prática delituosa".

PASSAGENS

Ambos suspeitos já tinham passagens pela Polícia. Vinícius responde a porte ilegal de arma de fogo e estava em posse de munições e uma quantidade de drogas, já embalada para venda, conforme a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Nas redes sociais, o empresário aparece ao lado de artistas conhecidos nacionalmente. A reportagem apurou que o suspeito promove festas no Interior do Estado e gerencia carreiras musicais. Ele já vinha sendo monitorado pelas autoridades desde o último mês de dezembro. A reportagem tentou entrar em contato com a defesa do suspeito, mas não conseguiu. Os perfis de Vinícius nas redes sociais também foram desativados.

FLAGRANTE

Ao todo, policiais apreenderam três quilos de cocaína, 52 munições de calibres variados e dinheiro. "Toda ação, coordenada por equipes do Núcleo de Combate ao Tráfico de Drogas (NCTD) da Delegacia Regional de Juazeiro do Norte, ocorreu em um imóvel situado no bairro José Geraldo da Cruz, em Juazeiro do Norte – Área Integrada de Segurança 19 (AIS 19) do Ceará. Além dos ilícitos, utensílios para a comercialização da droga e um carro, também foram apreendidos pelos investigadores", disse a PCCE.

"Em vistoria pelo carro de Vinícius, que se apresenta como empresário do ramo de entretenimento e gerenciador de carreira musical de artistas, os policiais encontraram mais drogas escondidas em uma embalagem de suplemento"

PCCE

No local, os policiais também localizaram Lucas Oliveira, conhecido como 'Luquinha'. "Ainda durante as diligências, os agentes apreenderam, na casa de Vinícius, mais munições e um colete balístico".

A dupla foi levada à Delegacia Regional de Juazeiro do Norte e autuada em flagrante por tráfico de drogas.

COMPARSA

Vinícius passou a ser monitorado pela Polícia Civil após a prisão de um suposto comparsa dele. "No último dia 19, uma equipe de policiais civis realizou campanas e identificou uma residência utilizada como possível ponto de venda de entorpecentes. Com a ofensiva, Tiago Nemezio da Silva Cavalcante (27) foi encontrado na posse de um revólver calibre 38 com três munições, uma prensa hidráulica, uma balança de precisão, um aparelho celular e dinheiro em espécie, além de quatro quilos de cocaína e cerca de um quilo de crack", conforme a SSPDS.

(Diário do Nordeste)

1 comentários:

esse juiz sei naoooo, amigo dos amigos , cadeia ficou pra lascado pq quem tem dinheiro so puxa cadeia se quiser, por isso a ploicia que faz rota que esta na ativa direto se corrompe. prender pra quê , se eles soltam , o problema e que que paga pau e o cidadao .

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More