ATENÇÃO! NÃO PERCA SEU VEÍCULO PARA A BANDIDAGEM!

ADQUIRA JÁ O RASTREADOR E BLOQUEADOR EM TEMPO REAL: FALE COM O KELTON: (88) 99975.7272/99299.9212. CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS

terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Deve chover no Ceará nos próximos dias, diz Funceme

De acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), atualmente ocorrem chuvas de pré-estação, que são comuns nesta época do ano.
Pelo menos 67 municípios registraram chuvas no intervalo entre as 7h da última segunda-feira (10) e as 7h desta terça-feira (11), conforme o balanço parcial da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). A pasta informou que dois fenômenos meteorológicos devem trazer chuvas para todo o Estado do Ceará nos próximos dias.

Nesta terça-feira (11) e na quarta-feira (12), a Funceme prevê nebulosidade variável com eventos de chuva no litoral, na Ibiapaba e no Maciço de Baturité e, possibilidade de chuva na região Jaguaribana e no Sertão Central. No mesmo período, o céu do Cariri ficará parcialmente nublado. Já na quinta-feira (13), haverá possibilidades de chuva nas demais regiões.

De acordo com a meteorologista Meiry Sakamoto, atualmente estão ocorrendo chuvas de pré-estação, que são provocadas por um sistema conhecido por Vórtice Ciclônico de Altos Níveis (VCAN), que é, segundo ela, bem comum nesta época do ano. "O posicionamento dele traz nebulosidade no Ceará todo. Se prestarmos atenção, as chuvas de Fortaleza, por exemplo, se concentram durante a madrugada e pela manhã até a hora do almoço. Estão em torno de 24°, que é normal, próximo da média climatológica para este período do ano. Depois, o céu fica mais claro, o que significa menos nuvens", explica. 

Meiry Sakamoto conta que no período da manhã nas faixas litorâneas e na Região Metropolitana, haverá chuvas nesta terça-feira (11) e na quarta-feira (12). Após o período, as precipitações devem amenizar um pouco, mas as condições de nova ocorrência de chuvas permanecem favoráveis em todo o Estado.

O meteorologista Davi Ferran afirma que, além do VCAN, existe outro sistema ciclônico que é responsável pela vinda das chuvas ao Estado: o Cavado de Altos Níveis (CAN), que tem baixa pressão atmosférica em altitudes em torno de 12 quilômetros. "No centro dele ocorre uma inibição da chuva e, nas bordas, há o favorecimento dela", diz.

Conforme o estudioso de fenômenos atmosféricos, há também a Zona de Convergência Intertropical (ZCIT), uma faixa de nuvem que circula no globo terrestre, principalmente sobre os oceanos. "Ela é provocada pela convergência entre os ventos alísios do Sudeste com os do Nordeste, onde eles confluem e é formada a região de maior nebulosidade sobre os oceanos. No período seco, a ZCIT fica no hemisfério norte e, no período chuvoso, se aproxima do Ceará e tende a provocar chuvas", finaliza.

Com informações do DN

1 comentários:

Sobral não aguenta mais chuva nem de 50 mm, imagine quando o verou chegar com chuvas de 100 mm??? essa cidade vai ficar um caos.

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More